Projetos

Sessão Extra: Ortiz cria abaixo-assinado contra 'aumento de cargos e impostos' em Taubaté

Em publicação, ex-prefeito critica projetos de reforma administrativa do governo Saud, de revisão da planta genérica e de aumento de 43% no salário de vereadores

Da Redação
29/11/2021 às 23:04.
Atualizado em 29/11/2021 às 23:04
Ortiz Junior, ex-prefeito de Taubaté (Caíque Toledo/OVALE)

Ortiz Junior, ex-prefeito de Taubaté (Caíque Toledo/OVALE)

Abaixo-assinado

O ex-prefeito Ortiz Junior (PSDB) criou um abaixo-assinado contra o "aumento de cargos e impostos" em Taubaté. O tucano ainda publicou um vídeo nas redes sociais para pedir adesão de seus seguidores.

Projetos

Clique e faça parte do nosso grupo no WhatsApp e receba matérias exclusivas. Fique bem informado! Acesse: https://bit.ly/ovale-agora-20

Pedido

"Nós pedimos à Câmara Municipal de Taubaté que rejeite o projeto enviado pelo prefeito Saud que aumenta o número de secretarias e cargos comissionados. Também pedimos que não seja aprovado o aumento de 60 milhões de reais de impostos. Em um momento econômico tão difícil para as famílias da nossa cidade, consideramos um verdadeiro absurdo o aumento de 280% nos cargos comissionados e de 43% no salário dos vereadores", disse o ex-prefeito na publicação.

Desrespeito

"A nossa cidade tem 22 mil desempregados. A maioria das famílias ainda tem dívidas por conta desses anos de pandemia. É momento da política dar o exemplo. Da mesma forma que a população se sacrificou para ajudar a combater a pandemia, é hora do governo fazer a sua parte: cortar despesas desnecessárias, mordomias e gastos com a máquina pública para ajudar a população. Aumentar o gasto público e passar essa conta para a população é um desrespeito com a nossa cidade", finalizou Ortiz.

Adesão

O abaixo-assinado foi criado na última sexta-feira (26). Até 20h30 dessa segunda-feira (29), eram cerca de 480 adesões.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por