Pandemia

RMVale tem a menor média móvel de casos e mortes de toda a pandemia

Região tem os menores indicadores de novos casos e novas mortes por Covid-19 de toda a pandemia, levando-se em conta a média dos últimos 14 dias por 100 mil habitantes

Xandu Alves
15/10/2021 às 17:52.
Atualizado em 16/10/2021 às 00:57
Pandemia (Divulgação)

Pandemia (Divulgação)

O Vale do Paraíba registrou os menores indicadores de novos casos e novas mortes por Covid-19 de toda a pandemia, levando-se em conta a média dos últimos 14 dias por 100 mil habitantes. O indicador aponta as tendências da epidemia.

Clique e faça parte do nosso grupo no WhatsApp e receba matérias exclusivas. Fique bem informado! Clique AQUI

Na quinta-feira (14), a média móvel de novos casos por 100 mil dos últimos 14 dias caiu para 88, valor inédito em toda a pandemia. A média de mortes pelo mesmo indicador foi de 1, também a mais baixa desde o início da doença no Vale.

O indicador é baseado no total de novos diagnósticos positivos e de novas mortes em decorrência da Covid-19 registrados no acumulado de duas semanas.

Os números são menores do que os índices mais baixos registrados até o momento, em 3 de dezembro do ano passado, quando a região vinha da primeira queda sustentada da doença, entre outubro e novembro. Naquela ocasião, a região registrou 163 novos casos nos últimos 14 dias por 100 mil habitantes e duas novas mortes.

No Vale, até quinta (14), o número de novos contaminados em 14 dias era de 2.278 contra 4.011 nas duas semanas anteriores, queda de 43%. No caso das mortes, a quantidade é de 36 contra 64, também redução de 43%.

De acordo com especialistas, a pandemia se mantém com tendência de queda em razão de os indicadores estarem com percentual de redução acima de 15%.

“Com a cobertura da vacinação, a pandemia está caindo. É uma vitória que se reflete nos números”, disse o médico Paulo Menezes, coordenador do Comitê Científico de São Paulo.

PATAMAR

Na última semana, a região acumulou 2.278 casos confirmados de Covid em 14 dias de outubro. O número retoma ao patamar de diagnósticos positivos de junho de 2020, na primeira onda de contaminação da pandemia no Vale.

Com as mortes, o recuo é ainda maior. Os 36 óbitos de outubro equivalem ao total de mortes port Covid de maio do ano passado, que registrou 18 vítimas da doença.

Mesmo assim, para o médico João Gabbardo, membro do Comitê Científico, o atual momento é de “indicadores são muito favoráveis”, mas ainda há muito “trabalho duro para ser feito”. “Vamos continuar fazendo o monitoramento diário da pandemia no estado. Continuamos com queda de casos, internações e óbitos”.

CASOS

O Vale do Paraíba alcançou o patamar de 320 mil diagnósticos positivos para a Covid-19 na quarta-feira (13), com 6.890 mortes em decorrência da doença.

O número de novos contaminados foi de 445 nos últimos sete dias, queda de 67% antes os 1.359 casos da semana passada. Na mesma comparação, as mortes caíram 66%, de 21 para sete óbitos em sete dias.

A redução confirma a volta da tendência de queda na pandemia depois de duas semanas de aumento no final de setembro.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por