Felicio Ramuth

São José oferece vida digna para quem precisa

Superar os desafios e promover a inclusão social tem sido o norte da nossa gestão

Felicio Ramuth, prefeito de São José dos Campos
26/11/2021 às 17:03.
Atualizado em 27/11/2021 às 02:01

Entre tantos desafios que vencemos ao longo deste ano em São José dos Campos, e foram muitos --garantir atendimento de Saúde e vacinas contra a covid, impulsionar a economia restabelecendo a capacidade do setor produtivo de gerar emprego e renda, incentivar o empreendedorismo e, principalmente, dar continuidade aos projetos que alavancam o desenvolvimento da cidade-- o  atendimento social à população que mais necessita nunca foi interrompido.

Superar os desafios e promover a inclusão social tem sido o norte da nossa gestão. Sabemos que a economia vem se recuperando pouco a pouco, setores estão mais fortes para crescer, mas a população mais carente precisa de acolhida e atendimento, com ações políticas que cheguem até a ponta da linha.

Em São José, construímos uma verdadeira rede de proteção e acolhimento às pessoas que mais precisam, principalmente as que estão nas ruas da cidade. Ninguém deve morar na rua, ficar sujeito a doenças, vícios, violência e fome. Para isso, precisamos de toda a população engajada em ações efetivas. 

Dar esmola, por exemplo, é uma ação paliativa. A esmola, mesmo oferecida com intenção de ajudar, contribui para manter as pessoas nas ruas, alimenta a miséria e a vida sem perspectiva.

A esmola atrapalha a solução de um problema social que não pode ser resolvido com um ato isolado. Nosso desafio é que a sociedade entenda que a esmola não ajuda as pessoas.

A Secretaria de Apoio Social ao Cidadão tem se dedicado a uma campanha de conscientização em todas as regiões da cidade em um intenso trabalho de rondas sociais humanizadas para ajudar quem precisa de abrigo.

É com essa rede de atuação que se estabelece a inclusão e o acesso aos serviços públicos que ajudam a recuperar a dignidade das pessoas. Com o apoio da população, conseguimos chegar a soluções definitivas que possam mudar a vida das pessoas para melhor.

Perto do final deste ano e com mais pessoas nas ruas, equipes multidisciplinares fazem abordagens 24 horas por dia, em conjunto com a Guarda Civil Municipal e com a Polícia Militar, por meio da Atividade Delegada.

Somente quem aceita é levado para abrigos, unidades de saúde ou comunidades terapêuticas se for necessário. Os que aceitam, podem ser recambiados para a cidade de origem, não sem antes ser feito um contato com a assistência social desses municípios para o encaminhamento das pessoas.

Temos em São José uma rede de abrigos estruturada para homens, mulheres, público LGBT, famílias e idosos com dificuldades de locomoção.  Temos centros de atendimento psicossocial para ajudar as pessoas com dependência química.

Imbuídos do espírito do Natal que se aproxima, podemos estender a mão para quem precisa de ajuda não com um punhado de moedas, mas com uma oferta de vida digna.

LEIA MAIS

A psicologia das cores no BBB

21/01/2022 - 20:25

20/01/2022 - 17:57

19/01/2022 - 14:59

VER MAIS
Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por