Karla Clarinda

Aproveite o que o LinkedIn lhe oferece e não fique para trás

Karla Clarinda, Empreendedora Social e estrategista em recolocação profissional
22/11/2021 às 15:28.
Atualizado em 22/11/2021 às 15:29
Redes Sociais (Tracy Le Blanc/Pexels)

Redes Sociais (Tracy Le Blanc/Pexels)

Atualmente, é imprescindível que profissionais de cargos de todos os níveis e áreas de atuação contem com um perfil no LinkedIn. Networking, vagas, artigos e possibilidades de parcerias são algumas das utilidades desta plataforma que, surpreendentemente, muitos ainda ignoram.

Neste caso, ignorar é sinônimo de “ficar para trás” e, num cenário cada vez mais competitivo, onde há poucas vagas de emprego para muitos candidatos, os detalhes contam muito.

Com o LinkedIn você mostra quem é, o que faz, o que já fez e o que pensa. Resumindo, o seu perfil LinkedIn, basicamente, é o seu currículo digital, disponível para milhões de pares de profissão, tomadores de decisão, recrutadores e representantes de empresas.

Portanto, se você ainda não tem um perfil no LinkedIn, faça-o o quanto antes. Mas fazer de maneira breve não significa fazer de qualquer jeito. Aliás, se for pra fazer de qualquer jeito é melhor nem fazer, pois sua página deporá contra você. E o que queremos é que ela o valorize como profissional e desperte a atenção dos demais usuários da plataforma. Agora, vamos a algumas dicas básicas.

Imagem é tudo: a foto do seu perfil deve mostrar você vestido adequadamente, ter uma boa qualidade, dar ênfase ao seu rosto e ser diferente das de outras redes sociais. Por exemplo, a sua foto do Instagram não deve ser a mesma do LinkedIn. Mas seja natural, ok?

Seja claro: cada vez mais, os recrutadores tem menos tempo para analisar os perfis. Assim como o currículo, a sua página do LinkedIn deve mostrar claramente a sua experiência, sua expertise e suas pretensões.

Atenção ao português: não dá para ter uma página do LinkedIn cheia de erros de português. Não estou dizendo para você ser o expert da nossa língua pátria. Uma escapadinha ou outra, tudo bem, acontece, mas um perfil repleto de erros não dá. Ah, atenção também à linguagem. Gírias, nem pensar.

Seja constante: não adianta você ter uma página linda, se você não a movimenta. Faça posts (relacionados à área profissional), conecte-se a pessoas que tenham sinergia com você (recrutadores e profissionais da sua área, por exemplo), e siga empresas e entidades que admira e se identifica. Se você tiver habilidade para tal, escreva artigos sobre temas ligados à sua áreade de atuação.

Além disso, aproveite o que o LinkedIn lhe oferece, como acesso às vagas de sua área e, se você optar pela versão paga, a Premium, utilize ferramentas úteis desta versão. Aproveite o LinkedIn de maneira efetiva e assertiva. Você só tem a ganhar com isso.

LEIA MAIS

03/12/2021 - 09:57

02/12/2021 - 14:51

01/12/2021 - 11:41

VER MAIS
Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por