Neo Química Arena

Sylvinho elogia atuação do Corinthians, que já tem vaga garantida na Libertadores

No entanto, o Timão quer mais. Em quarto lugar, com 56 pontos, tem três de vantagem sobre o quinto colocado Red Bull Bragantino e quer uma vaga direta na fase de grupos

Marcos Eduardo Carvalho
29/11/2021 às 08:08.
Atualizado em 29/11/2021 às 08:08
Sylvinho (Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

Sylvinho (Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)

A vitória por 1 a 0 sobre o Athletico Paranaense, no último domingo (29), na Neo Química Arena, em São Paulo, garantiu o Corinthians ao menos na fase de mata-mata da Copa Libertadores da América.

No entanto, o Timão quer mais. Em quarto lugar, com 56 pontos, tem três de vantagem sobre o quinto colocado Red Bull Bragantino e quer uma vaga direta na fase de grupos.

Afinal de contas, o Corinthians sabe bem como é jogar a fase de pré-Libertadores, pois é o único time brasileiro a ser eliminado duas vezes nesta fase do torneio continental.

Desta vez, a equipe alvinegra não quer dar ‘sopa para o azar’ e tenta consolidar a classificação para a fase de grupos e garantir um melhor planejamento para 2022.

Além disso, sem a pré-Libertadores, o Timão terá mais tempo de descanso antes do início da temporada e terá ao menos seis jogos garantidos na competição continental, garantindo também uma receita maior.

Agora, o Corinthians tem mais dois jogos pela frente no Campeonato Brasileiro e, se vencer os dois, já estará matematicamente garantido no G-4 da competição nacional.

Técnico do Corinthians valoriza base

Depois da partida contra o Furacão, o técnico Sylvinho, do Corinthians, elogiou a atuação do time e fez uma menção especial aos jogadores mais jovens, como Du Queiróz, que vieram das categorias de base.

“É prazeroso, pois saí da base do Corinthians. Vim do Terrão. Realmente me identifico bastante com esses atletas. Estou muito contente pela renovação (contratual) do Du Queiroz”, disse durante a entrevista coletiva.

Depois, falou da vontade do jogador e atuar com a camisa do Timão.

“Sempre mostrou no olho o desejo de jogar, tem qualidades físicas e técnicas enormes, tem capacidade para maturar, é jovem. Muito feliz por ele, por Adson, GP, Roni, que voltou, João Victor. Atletas que têm respondido”, afirmou.

“Essa mistura de juventude com esses atletas que sonham com objetivos importantes faz parte de dois pilares importantíssimos. Feliz pela renovação do Du, pela sequência e resposta que dá em campo”, finalizou.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por