Cineastas de São José lançam filme sobre o uso da música para o desenvolvimento de autistas

Da Redação | @jornalovale

O último dia do “Abril Azul”, campanha para conscientizar as pessoas sobre o Transtorno do Espectro Autista (TEA), será marcado pelo lançamento de um filme que retrata como a música pode ser uma ferramenta para o desenvolvimento motor, mental, cognitivo e intelectual de crianças com autismo. “Caminhando Juntos” é um minidocumentário produzido pelos cineastas Aline Reis e Fabio Alba que estreia nesta sexta-feira (30), às 20h, no canal da Oversonic Filmes no YouTube.

Com dez minutos de duração, a produção começa com o depoimento de uma mãe que recorreu à arte dos sons para oferecer à filha mais qualidade de vida, mais alegria e melhores condições para conviver em espaços fora do ambiente familiar. A obra também traz depoimentos de profissionais de música e de musicoterapia para mostrar como e por que essa arte pode ser usada como forma terapêutica para pessoas com diversos graus de autismo, sobretudo na infância.

A música pode transformar a vida das pessoas. Especialmente nos primeiros anos de vida, o contato com os elementos musicais, ritmo, melodia e harmonia, acaba estimulando a pessoa a desenvolver coordenação motora, imaginação e criatividade, aguçando as percepções e a sensibilidade. O aspecto lúdico permite ainda que a arte seja um veículo para que o indivíduo se expresse e se manifeste para com o mundo exterior.

O filme faz parte da série “Cultura como Construção Humana”, da Oversonic Filmes, que versa sobre os diferentes segmentos artísticos/culturais e sua importância na formação das pessoas, no desenvolvimento humano. O objetivo é divulgar o papel fundamental que a arte desempenha para a cidadania e a vida em sociedade, função que vai o ultrapassa o caráter de entretenimento.

O minidocumentário tem produção de Aline Reis, edição de Fabio Alba, câmera por Bruno Gallan e som por Tarciso Carvalho. A trilha sonora é de Matheus Cubas e Fabio Alba, e o design ficou a cargo de Denise Hellena. A exibição do filme conta com tradução para a Língua Brasileira de Sinais (Libras) pela intérprete Flavia Lotufo.

Sinopse

A música é uma arte capaz de oferecer muito mais do que diversão, podendo ser também uma forma terapêutica capaz de auxiliar no desenvolvimento de crianças com autismo. Para mostrar como isso acontece, o minidocumentário “Caminhando Juntos” traz depoimentos de quem tem o autismo como sua realidade e também de profissionais da música e da musicoterapia.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido, assistido, curtido e compartilhado. São mais de 23 milhões de visualizações por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação da edição impressa, revistas e suplementos especiais. E sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Seja livre, seja OVALE. Viva a democracia. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.