Aos 369 anos, Jacare ter memrias dos Biscoutos Jacarehy registradas em documentrio

Capital dos Biscoutos est em fase de pesquisa e enfrenta desafios de produo durante a pandemia da Covid-19

Da Redao | @jornalovale

Com o intuito de manter as memórias de um dos quitutes icônicos de Jacareí, a produtora audiovisual, Gláucia Veloso, produz o documentário “Capital dos Biscoutos”. A produção pretende ir além do registro informativo e histórico. A idealizadora e diretora afirma que a preservação da memória coletiva é o grande motivador do projeto.

“Uma cidade é feita de pessoas e suas memórias, para além de ruas e edificações. Manter vivas histórias como a dos biscoutos é reafirmar nossa identidade e, esperamos que, com o filme, o espectador seja transportado para o período em que a cidade de Jacareí saiu do anonimato e ganhou destaque nacional ”, explica.

Os depoimentos coletados serão de pessoas que viveram o auge dessa fama, há 60 anos, e/ou tiveram alguma relação com os biscoutos. Considerados o maior grupo de risco ao novo coronavírus, o desafio para a produção tem sido o cuidado com a saúde destes personagens idosos.

“Partindo da pesquisa, por exemplo, não foi possível estar in loco para conversar pessoalmente. Utilizamos dos recursos tecnológicos que temos, como a chamada de vídeo, para coletar informações. Agora, finalizando essa etapa, estamos aguardando a vacinação de todos eles para iniciar as gravações”, pondera a idealizadora do documentário.

Atrelado ao filme, Gláucia específica que o projeto contempla um curso intitulado “Webdocumentário, Narrativas Transmídia e Impacto Social”. A formação faz parte das contrapartidas do projeto, será gratuita e direcionada ao público que já possui conhecimento intermediário no audiovisual, porém ainda sem data prevista.

Todo o conteúdo da pesquisa e o próprio documentário serão disponibilizados no site www.capitaldosbiscoutos.com.br.

O projeto foi beneficiado pela Lei Municipal 3.648/1995 (Lei de Incentivo à Cultura)”, com apoios da Prefeitura Municipal de Jacareí e Fundação Cultural de Jacarehy - José Maria de Abreu, com o incentivo do Cartório do Oficial de Registro de Imóveis e Anexos de Jacareí.

Assinar OVALE

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi to lido, assistido, curtido e compartilhado. So mais de 23 milhes de visualizaes por ms apenas nas plataformas digitais, alm da publicao da edio impressa, revistas e suplementos especiais. E sempre com o DNA editorial de quem lder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crtico, plural, moderno e apartidrio. Informao com credibilidade, imprescindvel para a construo de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notcia a verdade. E ns assinamos embaixo. Seja livre, seja OVALE. Viva a democracia. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalstica da regio.