RELATO

'Doença não faz distinção ou respeita alguma diferença', afirma médico de UTI

Publicado em 19/05/2021 às 00:00Atualizado há 01/07/2021 às 00:43

ALERTA. Lutando por vidas no Hospital Municipal de São José, o médico Gabriel Tamiasso alerta para o perigo de minimizar o vírus. "É uma doença que não faz distinção ou respeita alguma coisa. Ataca a todos. Muito agressiva. Há casos de pacientes que faleceram em minutos. Covid é bastante limitante e o paciente passa a ter necessidade de cuidados"..

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALE
Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Distribuído por:
Desenvolvido por: