São José dos Campos prevê orçamento de R$ 3,3 bilhões para o ano que vem

Montante é referente à soma do orçamento previsto para Prefeitura, Câmara, Fundhas, Fumdicad, FCCR e IPSM

O município de São José dos Campos deve ter uma receita de R$ 3,3 bilhões em 2022.
O dado está no projeto da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), enviado à Câmara na última sexta-feira (30) pelo prefeito Felicio Ramuth (PSDB).
O montante é referente à soma do orçamento previsto para Prefeitura, Câmara, Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza), Fumdicad (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), FCCR (Fundação Cultural Cassiano Ricardo) e IPSM (Instituto de Previdência do Servidor Municipal).
Para efeito de comparação, o orçamento fixado para o município em 2021 foi de R$ 3,1 bilhões.
No projeto, Felicio diz que, devido à pandemia da Covid-19, o cenário para os próximos anos é incerto. “Apesar da retomada da atividade econômica no segundo semestre de 2020, e do início da vacinação nos primeiros meses de 2021, observamos uma piora nos indicadores de transmissão do vírus que levaram novamente a medidas de controle social, as quais terão reflexos na economia para o restante do ano de 2021, permanecendo um cenário de incerteza para os exercícios de 2022, 2023 e 2024”.
O texto, que será votado antes do recesso parlamentar de julho, servirá como base para elaboração do orçamento de 2022.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido, assistido, curtido e compartilhado. São mais de 23 milhões de visualizações por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação da edição impressa, revistas e suplementos especiais. E sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Seja livre, seja OVALE. Viva a democracia. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.