Nova York tem alta de 38% nos casos após aumento na capacidade de testes

CONTROLE. Especialistas apontam a experiência de Nova York, nos Estados Unidos, como um cenário que pode ser replicado no estado de São Paulo. Assim como a cidade americana, a capital paulista é o epicentro da doença no Brasil.

Em um único dia, o número de casos confirmados aumentou 38% em Nova York, informação divulgada pelo governador Andrew Cuomo.

O número de pessoas infectadas passou de 20 mil. O resultado foi apontado como a capacidade do estado de realizar testes. A cidade oferecer mais de 16 mil testes por dia, capacidade superior ao do restante do país e, proporcionalmente, até à da Coreia do Sul.

Quanto mais pessoas testadas, mais serão diagnosticadas..

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 8,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.