Novo PS, aeroporto e anel viário são metas de Soliva em Guará

Prefeito de Guaratinguetá confirma pré-candidatura para tocar projetos, como nova entrada da cidade, anel viário, regularização de bairros, pavimentação, turismo e melhoria na saúde

Xandu [email protected] | @xandualves10

Para aguentar o tranco, ele corre, nada e joga tênis semanalmente, e ainda bate uma bolinha "quando o joelho deixa". Nos últimos anos, a rotina tem sido de organizar a casa, recuperar as finanças, melhorar a infraestrutura e apostar em obras de impacto, com o menor custo possível.

"Dedico 70% do tempo à prefeitura e 30% ao restante", diz Marcus Soliva (PSB), prefeito de Guaratinguetá. Ele está cheio de projetos para 2020 e os próximos anos, e confirma que disputará a reeleição. "Não largo serviço pela metade".

Maior dificuldade em 3 anos?

Organizar a gestão e as finanças. Temos que pagar dívidas passadas de R$ 64 milhões. Fizemos investimentos pequenos e com alto impacto. Em 2020, não teremos déficit financeiro ou orçamentário.

Área que mais evoluiu?

Infraestrutura urbana, com pavimentação, regularização de bairros, iluminação pública e drenagem. A cidade tinha 130 km de ruas sem pavimentação na área urbana. Já fizemos 40 km, em 11 regiões diferentes, com mais 30 km de recapeamento. Estamos recuperando mais de 30 ruas e avenidas, num investimento de R$ 10 milhões e feito pela Codesg, que é empresa municipal e estava praticamente desativada.

Onde precisa melhorar?

Na saúde, que é sempre um gargalo. Em ano de crise, os governos cortam repasses. Temos transferido recursos para dar conta desses contingenciamentos, como no transporte de pacientes para outras cidades. Estamos investindo 30% do orçamento em saúde.

O que fez até agora?

Implantamos software de gestão da saúde, pois nem estávamos integrados ao sistema Cross do Estado. Hoje, temos o prontuário eletrônico com todas as informações do paciente. Nosso controle de remédios permitiu agilizar a compra, economizar no preço e otimizar o estoque. Sete unidades de saúde foram reformadas e contrataremos 38 profissionais, sendo 31 médicos. Vai aumentar o atendimento. Teremos três unidades de saúde abrindo até as 22h --Parque São Francisco, AME e Engenheiro Neiva. Isso vai reduzir o gargalo no pronto-socorro.

Quais os grandes projetos?

Vamos construir uma nova entrada para a cidade, ali no km 67 da Dutra. Um viaduto passará por cima da avenida Padroeira do Brasil e da linha férrea, com uma via conectando ao anel viário Mário Covas e à avenida JK. Custará R$ 18 milhões e estamos tentando R$ 6 milhões da MRS Logística para o viaduto. A fase dois custará R$ 3 milhões e vai conectar com a região do Santa Luzia, a que mais cresce. Duplicaremos estradas vicinais, como da Colônia, Pedrinhas e Pilões. Tudo até 2024.

E o aeroporto?

Vai ser privatizado pelo Estado. Mostramos a importância de ter aeroporto com viés turístico. O edital deve sair em março. Previsão é que em 2021 já tenhamos a vencedora.

Na educação?

Em 2020, completaremos nove creches entregues, eliminando o déficit. Reformamos quase todas as escolas, além de construir a Maria Julia e de implantar sistema do Google. Superamos pela primeira vez a média nacional do Ideb.

Tentará a reeleição?

Não pretendia, mas não largo serviço pela metade. Temos muitas obras em andamento. Vou colocar o meu nome para aprovação do cidadão. Se entender que mereço, estou preparado..

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.