Pacote vai recapear 30 vias por R$ 17,28 milhões em Taubaté

Do valor total, R$ 14,99 milhões virão do governo estadual, por meio de um convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Regional, e R$ 2,285 milhões do empréstimo do CAF

Julio Codazzi @juliocodazzi | @jornalovale

O governo Ortiz Junior (PSDB) abriu uma licitação para definir a empresa que ficará responsável por realizar serviços de recapeamento e pavimentação em 30 vias de Taubaté.

As propostas serão apresentadas até o dia 27 de dezembro. O contrato poderá custar até R$ 17,285 milhões, dos quais R$ 14,999 milhões virão do governo estadual, por meio de um convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Regional, e R$ 2,285 milhões do empréstimo do CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina).

As obras serão executadas na região central e nos bairros Gurilândia, Parque São Cristóvão, Estoril e Bonfim.

Receberão o serviço as ruas Dino Bueno, Bispo Rodovalho, Coronel Gomes Nogueira, Dr. Afonso Moreira, Dr. Rebouças de Carvalho, Duque de Caxias, Marquês do Herval, Dr. Pedro Costa, Monsenhor Siqueira, Newton Câmara Leal, Sacramento, Visconde do Rio Branco, Emílio Winther, Barão da Pedra Negra, Coronel Marcondes de Mattos, Dr. Souza Alves, XV de Novembro, São José, Dr. Silva Barros, Juta Fabril, Clibas de Alvarenga, Antonio Vieira da Maia, Coronel Helio Franco Chaves, Aguinaldo Teixeira Pinto, Benedicta de Oliveira Rosa, Orestes Francisco Vanone, João Vanone e Maragogipe, além das avenidas 9 de Julho e Cinderela.

O investimento do estado foi anunciado em outubro, durante visita do governador João Doria (PSDB) a Taubaté.

Na ocasião, Ortiz disse que os serviços seriam concluídos até junho de 2020, mas o edital prevê prazo de conclusão de 18 meses. Ou seja, até meados de 2021. No anúncio, foi dito também que seriam R$ 40 milhões em obras, sendo R$ 15 milhões do estado e R$ 25 milhões do município. Mas as obras que ficariam sob responsabilidade da prefeitura já estão em execução no pacote do CAF, como o binário do Barreiro, a requalificação da avenida Dom Pedro 1º e o Parque Linear do Santa Tereza..

 

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.