Logo Jornal OVALE

Taubaté adia licitação para projetos contra incêndios

O governo Ortiz Junior (PSDB) adiou, por tempo indeterminado, a licitação para contratar uma empresa que ficaria responsável por implantar projetos de segurança contra incêndio e de proteção contra descargas atmosféricas em oito escolas municipais.

As propostas seriam abertas nessa quinta, mas o adiamento foi determinado "por necessidade de readequação nas planilhas orçamentárias e memoriais descritivos". O serviço seria prestado nas escolas Avedis, Diácono 1, Diácono 2, Emilio Simonetti, Ezequiel, Emilio Beringhs, Ernani Gianico e Ernesto Filho. O contrato poderia custar até R$ 2,243 milhões. A rede municipal conta com 123 escolas de educação infantil e ensino fundamental.

Segundo o governo Ortiz, até o fim do ano oito prédios terão o AVCB (Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros) e outros 32, com até 750 m², irão obter a LCB (Licença do Corpo de Bombeiros). Segundo o TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) firmado com o Ministério Público em janeiro, os demais prédios terão que ser regularizados até 2023..