Logo Jornal OVALE

Promessômetro: Ortiz cumpriu 10,84% de seu plano de governo em Taubaté

Em 30 meses, tucano cumpriu integralmente 9 dos 83 principais compromissos feitos na campanha de 2016; outras 45 promessas estão em andamento e 29 ou estão na estaca zero ou ainda estão em estágio embrionário

Julio [email protected] | @jornalovale

Ao atingir dois anos e seis meses de seu segundo mandato, o prefeito de Taubaté, Ortiz Junior (PSDB), cumpriu integralmente 9 dos 83 principais compromissos feitos por ele na campanha de 2016, o que representa 10,84% do total.

Outras 45 promessas (54,21%) estão em andamento, enquanto 29 compromissos (34,93%) ou estão na estaca zero ou ainda estão em estágio embrionário.

Vale lembrar que Ortiz concluiu seu primeiro mandato, de 2013 a 2016, com 8 promessas totalmente cumpridas (15%), 26 iniciadas (49%) e 19 não iniciadas ou descartadas (36%).

Todos esses dados estão no Promessômetro, ferramenta criada em 2013 pela Gazeta de Taubaté para acompanhar a execução das promessas de campanha dos prefeitos que administrarem a cidade.

CLIQUE E VEJA AS PROMESSAS DE CAMPANHA DE ORTIZ JUNIOR

Nesse segundo mandato, das 13 diferentes áreas em que estão divididas as promessas de campanha de Ortiz, em sete o tucano ainda não conseguiu cumprir integralmente nenhum dos compromissos firmados em 2016. São elas: Educação, Emprego, Esporte, Habitação, Idosos, Meio Ambiente e Segurança.

Nessas áreas estão promessas cobradas constantemente pela população, como: o fim do deficit de vagas em creches (Educação); o Parque Tecnológico, que foi inaugurado em 2016 e não tem nenhuma atividade até hoje (Emprego); a construção de mais 1.000 moradias (Habitação).

Nas outras seis áreas, Ortiz conseguiu cumprir integralmente ao menos uma promessa: Administração e Finanças, Assistência Social, Cultura, Mobilidade Urbana, Saúde e Serviços Urbanos. Nesse último semestre, duas promessas foram cumpridas: a conclusão da revitalização do Mercato de Quiririm, que foi custeada pela iniciativa privada, e a assunção da gestão do Hospital Universitário, concretizada no dia 1º de maio.

Dos compromissos em execução, os mais próximos de serem cumpridos são o aumento no número de câmeras do COI (Centro de Operações Integradas), que está previsto no novo contrato, e a ampliação da troca de lâmpadas, que será financiada com um empréstimo de R$ 29,5 milhões da Caixa Econômica Federal.

Ortiz aponta avanço nos últimos meses; oposição afirma que falta gestão

Questionado pela reportagem sobre os dados do Promessômetro, o governo Ortiz Junior (PSDB) destacou o avanço obtido no último semestre, quando a gestão tucana conseguiu concluir dois dos compromissos de campanha. "Desde a última análise do jornal, conseguimos avançar e chegamos a 65,05% dos compromissos elencados já cumpridos ou em fase de execução. E isso tudo em um momento de estagnação econômica, o que reforça a necessidade de contenção de gastos e uma gestão eficiente".

O governo alegou ainda que "a administração municipal ocorre de forma dinâmica" e que "governar é elencar prioridades, promovendo os ajustes e correções de rumos que se fizerem necessários". Destacou também que "muitos projetos dependem da formalização de convênios com os governos estadual e federal" e que "potencializar a arrecadação de recursos continua sendo um dos principais desafios das prefeituras".

Já para a oposição, nem mesmo os compromissos executados pelo governo Ortiz têm trazido melhorias para a qualidade de vida do taubateano. "O compromisso não é com a cidade, a preocupação é fazer coisa para inglês ver, imediatista. É uma administração da maquiagem, que não faz nada que melhore, de fato, a qualidade de vida da população", disse a vereadora Loreny (Cidadania). "Acho desastrosa a gestão do prefeito. Para mim, aliás, não há gestão, e sim administração de recursos. Não é uma cidade com regras claras, o prefeito atua contra a transparência".

Macaque in the trees
Arte Promessometro Ortiz