Projeção do Imperial College of London reforça as ações precoces de isolamento

PROJEÇÃO. O Imperial College of London apresentou projeções para a disseminação do coronavírus no Brasil. Sem adotar quaisquer medidas de mitigação, o país poderia ter 187 milhões de infectados e 1,15 milhão de mortos. Com distanciamento social de toda a população, os infectados poderiam chegar a 122 milhões, com 627 mil mortes. No cenário de distanciamento social e reforço do distanciamento dos idosos, seriam 120 milhões de infectados e 529 mil mortes.

No caso de supressão (testar e isolar pacientes positivos) tardia, seriam 49 milhões de infectados e 206 mil mortes.

O cenário de supressão precoce, que a maior parte dos estados adotou no país, os infectados seriam 11 milhões e as mortes, 44 mil..

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 8,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.