Após casos de coronavírus em escolas, Taubaté decide adiar retorno de aulas presenciais

Após duas escolas terem casos de coronavírus confirmados, a Prefeitura de Taubaté informou nessa terça-feira (23) que irá adiar o retorno das aulas presenciais, previsto para 1º de março. Agora, o município prevê a retomada para 8 de março, mas ainda deve confirmar será irá manter a data na próxima semana.

O retorno das aulas ocorreu nessa segunda-feira (22) na cidade, em formato on-line. Por enquanto, o modo de ensino deve permanecer remoto até o final da semana que vem, quando a decisão final sobre o retorno deve ser apresentada pela prefeitura.

Nessa terça-feira, a prefeitura informou que duas escolas precisaram ser fechadas após a confirmação de quatro casos de funcionários que testaram positivo para a Covid-19. Os registros ocorreram nas EMEFs Emílio Amadei Beringhs (um caso), no bairro Marlene Miranda e na Ernani Barros Morgado (três casos), na Vila São José 2. A Secretária de Saúde informou que deve fazer a desinfecção das duas unidades ainda nessa terça-feira.

MERENDA.

As marmitas devem ser entregues, a partir de quarta-feira (23), nas unidades onde o aluno está matriculado. A marmita entregue aos alunos da EMEF do Marlene Miranda será direcionada para EMEI Marlene Miranda, que são unidades próximas. As marmitas da EMEF da Vila São José II serão direcionadas para EMEF da Vila São José 1.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido, assistido, curtido e compartilhado. São mais de 23 milhões de visualizações por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação da edição impressa, revistas e suplementos especiais. E sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Seja livre, seja OVALE. Viva a democracia. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.