Logo Jornal OVALE

São Sebastião e Ubatuba abrem 100 vagas para Guarda Vidas Temporário

Período de contratação é para três meses e o pagamento varia de R$ 1,5 mil a R$ 1.750, podendo chegar a R$ 2.000

http://www.ovale.com.br |

O GBMar (Grupamento de Bombeiros Marítimos do Litoral Norte) está com inscrições abertas para preenchimento de 100 vagas de guardas-vidas temporários em São Sebastião e Ubatuba.

O período de contratação é para três meses e o pagamento varia de R$ 1,5 mil a R$ 1.750, podendo chegar a R$ 2.000. Os candidatos precisam passar por provas para testar a aptidão física.

Para Ubatuba as inscrições podem ser feitas até dia 17 de setembro, das 8h às 17h30, no Quartel do Corpo de Bombeiros (rua Guanabara, 18, no Perequê Açu). A prova eliminatória está prevista para o dia 23 de setembro.

Já São Sebastião abriu as inscrições nesta segunda-feira (9) e os interessados em uma das 60 vagas disponíveis devem comparecer pessoalmente no Posto de Bombeiro Marítimo de Maresias (Avenida Francisco Loup, 631), Costa Sul da cidade, das 8 às 17h, em qualquer dia da semana.

SELEÇÃO.

O processo de seleção se dará em duas etapas. A primeira, com provas de aptidão físicas em caráter eliminatório no dia primeiro de outubro, às 9h, em Maresias. Os aprovados nesta etapa receberão um treinamento intensivo até o dia 25, data em que será realizada outra prova para conhecimentos técnicos.

Para ser considerado apto, o candidato deverá ter como pré-requisito, dentre outras prerrogativas, o curso específico ministrado pelo GBMar, para Guarda-Vidas, com certificado de conclusão.

Os 20 primeiros colocados serão convocados para a primeira turma com o início da prestação do serviço no dia 14 de novembro de 2019 por 90 dias e os 40 candidatos subsequentes serão convocados para a segunda chamada, com início da prestação do serviço no dia 20 de dezembro de 2019 por também três meses.

Os contratados receberão salário de R$ 1.550,00, além de vale transporte e vale refeição. A carga horária será de 40 horas semanais.

Em Ubatuba, o pagamento será de R$ 1.75059, mais adicional de insalubridade, correspondente a 20% incidente sobre o salário mínimo Federal.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.