Logo Jornal OVALE

População da RMVale atinge 2,55 milhões de habitantes, diz balanço do IBGE

Números mostram que a população do Vale do Paraíba e cresceu 1% em um ano e ganhou 24,2 mil moradores, o que equivale à população da cidade de Potim; desde 2010, o crescimento foi de 12,72%, com mais 288 mil moradores

Xandu [email protected] | @xandualves10

A RMVale ganhou 24.265 novos moradores em um ano e ultrapassou, pela primeira vez na história, a barreira de 2,55 milhões de habitantes em julho deste ano. A estimativa da população foi divulgada nesta quarta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O Vale do Paraíba é a 12ª região mais populosa do país, em um grupo de 26 regiões metropolitanas. Está à frente de regiões como Goiânia, Belém, Grande Vitória, Natal, Maceió, João Pessoa, Teresina e Florianópolis.

Essa lista é encabeçada pela Grande São Paulo, com 21,7 milhões de habitantes, seguida pela RM do Rio de Janeiro (12,8 milhões) e pela RM de Belo Horizonte (6 milhões).

As estimativas populacionais servem para cálculo de indicadores econômicos e sociodemográficos e são usadas pelo TCU (Tribunal de Contas da União) no cálculo do FPM (Fundo de Participação dos Municípios).

EVOLUÇÃO.

Os números mostram que a população da RMVale cresceu 1% em um ano e 12,72% desde 2010, ano do último censo do IBGE, quando tinha 2,26 milhões de moradores.

Em um intervalo de nove anos, a região ganhou 288 mil habitantes e cresceu acima das taxas de crescimento do estado de São Paulo e a do país, respectivamente de 10% e 9%, no mesmo período.

De acordo com as estatísticas do IBGE, estima-se que o Brasil tenha 210,1 milhões de habitantes e o estado de São Paulo 45,9 milhões de habitantes em julho deste ano, concentrando 21,9% da população do país.

CIDADES.

Dos 17 municípios com população superior a um milhão, 14 são capitais estaduais. Eles concentram 21,9% da população do país. São Paulo é o mais populoso, com 12,25 milhões de habitantes.

Excluindo-se as capitais, 25 municípios brasileiros possuem mais de 500 mil habitantes. São José dos Campos é a sétima cidade nesta lista, com 721,9 mil habitantes. A cidade cresceu 1,1% ante 2018.

Para Vitão, cidades têm 'dificuldade de oferecer o básico' com crescimento

Para o prefeito de Paraibuna e presidente do conselho da RMVale, Victor de Cássio Miranda, o Vitão (PSDB), o aumento da expectativa de vida e da migração explicam o crescimento da população na região, que ganhou o equivalente a uma cidade de Potim em um ano, com mais 24 mil habitantes. "Com isso, os desafios tem se tornado ainda maiores aos gestores públicos, principalmente em relação à educação, saúde e à segurança pública". Segundo ele, as cidades também identificaram aumento de atendimentos particulares para a rede pública de saúde, exigindo "aumento significativo dos investimentos municipais". "A falta de recursos é fato muito importante, com dificuldade de oferecer o básico".