São José vence o Pinheiros fora de casa e ainda sonha no NBB

Marcos Eduardo Carvalho | [email protected]

Em um jogo cheio de emoção no final, o São José venceu o Pinheiros por 93 a 82 nesta quarta-feira à noite, em São Paulo, pela 22ª rodada da primeira fase da edição 2019/2020 do NBB (Novo Basquete Brasil). Foi a segunda vitória consecutiva dos joseenses na competição. Agora, são cinco triunfos do time comandado pelo técnico Paulo Cézar Jaú.

Em sua melhor atuação até agora no torneio, o São José devolveu a derrota sofrida para o rival em casa no primeiro turno e ainda sonha com a classificação aos playoffs, embora siga em 14º lugar. O Pinheiros ainda é o sexto colocado no torneio.

Agora, os joseenses voltam a jogar apenas no próximo dia 27 de fevereiro, uma quinta-feira, quando visitam o Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte.

Nesta quarta, o jogo começou melhor para o Pinheiros, que chegou a abrir dez pontos de vantagem. Mas o São José reagiu ainda no primeiro quarto, descontou o placar e fechou o período apenas quatro pontos atrás: 24 a 20.

No segundo quarto, o jogo seguiu no mesmo panorama, com o time da casa a maior parte do tempo na frente do placar e os joseense buscando a reação. A boa atuação de Morillo e Figueredo fizeram com que o time da região fosse para o intervalo equilibrando a partida. O Pinheiros ficou com cinco pontos de vantagem: 48 a 43.

No terceiro quarto, o São José caiu de rendimento. Em determinado período, a vantagem dos donos da casa chegou a 12 pontos. No final, o time da região fechou o terceiro quarto dez pontos atrás: 67 a 57.

Nos últimos dez minutos, o São José não se entregou. Foi em busca do resultado e não deixava os donos da casa abrirem. Nos últimos cinco minutos, inclusive, reagiu de forma espetacular, encostando no placar com um ataque agressivo e marcação forte na frente. Com 2min para o final, os joseenses passaram à frente no placar.

Depois, as coisas ficaram mais fáceis para o time da região. O Pinheiros sentiu a reação joseense, que chegou a abrir cinco pontos. Depois, só se manteve na frente.

Com 19 pontos e 9 rebotes, o dominicano Morillo, do São José, foi o principal cestinha da partida.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.