São José abre 24 pontos, mas leva virada do São Paulo e soma nove derrotas seguidas no NBB

Marcos Eduardo Carvalho | [email protected]

É até difícil de acreditar. Após abrir 24 pontos de vantagem no primeiro tempo, o São José Basket, perdeu para o São Paulo por 99 a 97 nesta terça-feira à noite, no ginásio Lineu de Moura, em São José dos Campos, pela 18ª rodada da primeira fase do NBB (Novo Basquete Brasil). Foi a nona derrota consecutiva do time comandado pelo técnico Paulo Cézar Jaú, que segue em penúltimo lugar no campeonato.

O São Paulo, que conta com jogadores renomados, como Shamell, Jefferson e Murilo, buscou uma incrível reação no final e deixou o torcedor da casa decepcionado.

Nesta terça, o São José desequilibrou principalmente com a grande atuação do dominicano Morillo, com 23 pontos. Mas o norte-americano Shamell estava mais inspirado, marcou 33 pontos e foi o cestinha do jogo. Georginho, com 14 pontos e 11 rebotes, ainda conseguiu um double-double (dois dígitos em dois fundamentos).

Agora, o time da região volta a jogar na sexta-feira, quando visita o Rio Claro, a partir das 20h e tenta se recuperar.

O JOGO.

Nesta terça, os joseenses começaram o jogo 'com raiva'. Foram logo abrindo grande vantagem e simplesmente não deixavam o São Paulo jogar. Ainda no primeiro quarto, a diferença chegou aos 20 pontos. E terminou o período com 37 a 16 para o São José.

No segundo quarto, o São Paulo tentou uma reação. Em determinado momento, chegou a reduzir par 15 pontos, mas o São José parecia disposto a vencer. E, com uma defesa sólida e ataque avassalador, foi abrindo vantagem. Ao término do primeiro tempo, a vantagem já era de 24 pontos: 62 a 38.

No terceiro quarto, a situação mudou. E o São José, que dominou o primeiro tempo, caiu de rendimento de forma impressionante. O São Paulo reagiu, diminuiu a diferença que, em determinado momento, chegou a apenas cinco pontos, silenciando a torcida joseense. No final, o time da região ainda fechou o período com seis pontos de vantagem: 82 a 76.

O último quarto foi tenso. Os joseenses chegaram a abrir 11 pontos, mas a vitória não estava garantida. E o São Paulo reagiu, diminuiu e deixou tudo indefinido de novo. O Tricolor empatou, o São José perdeu a bola do jogo com Mariani e, na sequência, os visitantes passaram à frente no placar pela primeira vez no jogo, a 2.3 segundos para o fim. No último ataque, Duda tentou cesta de três, acertou o aro e mais uma derrota foi consumada.

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.