Tragédia de 1967 destruiu vários pontos da via no trecho de serra

CHUVAS. A estrada só foi pavimentada em 1957, após diversos acidentes graves causados pelo excesso de pó e lama, que em conjunto com a neblina tornavam a via bastante perigosa. Dez anos depois, em 1967, vários pontos do trecho de serra vieram abaixo no deslizamento que matou 436 pessoas em Caraguatatuba. "Vários trechos da Tamoios vieram abaixo. Até alguns veículos desapareceram. Isso fez com que o socorro, remédios e alimentos tivessem que vir de São Sebastião, Ubatuba, pelo mar ou de helicóptero. Parte da estrada teve que ser reconstruída", narrou a historiadora do Arquivo Municipal Arino Santana de Barros, de Caraguatatuba..

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido, assistido, curtido e compartilhado. São mais de 23 milhões de visualizações por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação da edição impressa, revistas e suplementos especiais. E sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Seja livre, seja OVALE. Viva a democracia. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.