Especial

Mergulhador encontra traçado da antigaTamoios no fundo da represa de Paraibuna

21/04/2021 às 00:00.
Atualizado em 24/07/2021 às 02:23
Tamoios (Divulgação)

Tamoios (Divulgação)

ÁGUA. O mergulhador Cesar Gentile explora há mais de 10 anos as profundezas da represa de Paraibuna atrás das ruínas da cidade velha de Natividade da Serra. Segundo ele, a profundidade em alguns pontos reduziu de 140 para 90 metros, o que prejudica o mergulho. "Há mais sujeira na água, o que dificulta a visibilidade", disse o mergulhador.

Além de galhos de árvores que estão no fundo da represa, como uma mini floresta aquática, Gentile, que tem uma escola de mergulho em Caraguatatuba, encontrou no fundo da represa a extinta Rodovia dos Tamoios, além de fragmentos da antiga cidade de Natividade, com velhas construções. O município foi inundado nos anos 1970 para surgir a represa de Paraibuna. Trecho da Tamoios também ficou sob a água.

Parte do asfalto da estrada e um poste de luz antigo são itens localizados pelo mergulhador na represa..

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por