Economia

Conflito diplomático do governo federal com a China repercute negativamente na balança comercial da RMVale

Publicado em 26/06/2021 às 02:00Atualizado há 24/07/2021 às 01:07
Embraer (Divulgação)

Embraer (Divulgação)

Os conflitos diplomáticos do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) com a China cobram um preço caro das empresas exportadoras do Vale do Paraíba.

A venda de produtos para o país asiático caiu 5,5% nos primeiros cinco meses deste ano comparado a igual período do ano passado.

A exportação do Vale para a China foi de US$ 891,3 milhões de janeiro a maio deste ano contra US$ 943,6 milhões no ano passado.

É o terceiro período consecutivo neste ano com queda nas exportações para os chineses, que são o principal cliente da região, com 25% do total das exportações em 2021.

No ano passado, também de janeiro a maio, a China representava 29% do total de vendas no estrangeiro pelas empresas da região.

“Os ataques à China não colaboraram em nada para a pauta exportadora. Não ajudaram e tiveram um alto preço. Creio que já estão prejudicando as relações comerciais com os chineses, que são fundamentais para a balança comercial do país e da nossa região”, disse uma liderança empresarial da RMVale, que pediu para não ser identificada.

Essa é uma tendência verificada desde o ano passado, quando o Vale reduziu em 6% o montante exportado para a China comparado a 2019. Foram vendidos US$ 2,06 bilhões contra US$ 2,19 bilhões.

Mesmo assim, o gigante asiático terminou o ano passado como o maior comprador individual dos produtos exportados pelo Vale, principalmente de petróleo bruto e celulose.

EUA.

Os Estados Unidos estão no caminho inverso e aumentaram em 13,6% a importação de produtos do Vale. Entre janeiro e maio de 2021, os americanos compraram US$ 633,8 milhões contra US$ 557,5 milhões no mesmo período do ano passado. Com isso, o país saltou de 17% para 18% do total das exportações do Vale.

São José dos Campos e a Embraer foram os principais responsáveis por esse aumento (leia matéria nesta página).

Singapura é o terceiro país com maior montante de exportações do Vale: US$ 398,3 milhões ante US$ 78,7 milhões em 2020, um salto de 405%.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALE
Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Distribuído por:
Desenvolvido por: