Fbrica da Caoa Chery no Vale pode ter nova montadora chinesa

Com desistncia do Grupo Caoa em comprar a fbrica da Ford no ABC, fechada em novembro do ano passado, cresce a chance de a fbrica de Jacare receber a produo da nova parceria da Caoa com outra montadora chinesa

Da redao @jornalovale | @jornalovale

O Grupo Caoa desistiu de comprar a fábrica fechada pela Ford em São Bernardo do Campo, em novembro do ano passado, e pode fazer um novo investimento na unidade de Jacareí, onde produz os carros da montadora chinesa Chery.

A Caoa detém 50% das operações da Chery no Brasil e terá um novo parceiro chinês, de outra marca automotiva. Analistas de mercado apontam a montadora Changan como a nova parceira.

A desistência de comprar a fábrica da Ford foi confirmada na última segunda-feira pelo governador do estado, João Doria (PSDB), que vem se empenhando em ajudar a Ford a vender o complexo.

Segundo Doria, a Caoa desistiu de adquirir o complexo, preferindo investir em outra fábrica no estado.

"Não foi possível viabilizar [a venda para a Caoa], mas a Caoa deve anunciar agora em 2020 um novo e forte investimento com um fabricante chinês na indústria automobilística aqui em São Paulo", disse o governador. "A Caoa acabou não consolidando a compra da fábrica da Ford exatamente porque o investidor chinês queria um espaço maior para produção automobilística", completou Doria.

Atualmente, o grupo produz o SUV e o sedã compactos Chery Tiggo 2 e Arrizo 5 na fábrica de Jacareí.

Ambos somaram 8.650 unidades comercializadas no ano passado, muito aquém dos 150 mil veículos que o projeto original do complexo permite montar anualmente.

Para 2020, a Caoa anunciou a fabricação do sedã médio Arrizo 6 em Jacareí, mas o projeto não deve ocupar toda a capacidade do complexo.

Com isso, segundo analistas, é grande a chance de a empresa decidir aproveitar o espaço da fábrica do Vale do Paraíba para instalar o projeto com a futura parceria chinesa.

Na fábrica de Anápolis (GO), a Caoa já divide o espaço entre modelos da Hyundai e da Chery, experiência que poderia ser replicada em Jacareí, com carros das duas montadoras chinesas.

Procurada, a Caoa confirmou que as "negociações devem seguir o encaminhamento informado pelo governador Doria", informou o grupo em nota.

Montadora registra crescimento de 133% no mercado brasileiro com 20.195 carros

A Caoa Chery encerrou 2019 como a montadora que mais cresceu no Brasil. Com 20.195 unidades comercializadas no ano passado, a marca registrou crescimento de 133% em relação a 2018, quando foram emplacados 8.640 veículos. No período, a marca também dobrou sua participação no mercado, fechando 2019 com índice de 0,76%, contra 0,35% do ano anterior.

Segundo a montadora, o modelo Tiggo 5X foi o campeão de vendas da Caoa Chery no ano passado, com 7.973 unidades comercializadas. O segundo modelo mais vendido foi o Tiggo 2, com 6.250 unidades, seguido pelo Arrizo 5 e Tiggo 7, que tiveram 2.274 e 2.186, respectivamente.

Assinar OVALE

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi to lido. So mais de 7,5 milhes de acessos por ms apenas nas plataformas digitais, alm da publicao de quatro edies impressas por dia. O importante que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem lder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crtico, plural, moderno e apartidrio. Informao com credibilidade, imprescindvel para a construo de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notcia a verdade. E ns assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalstica da regio.