Logo Jornal OVALE

Metade da população de rua de São José é forasteira, diz União

Levantamento feito pelo Ministério da Cidadania aponta que 50% da população de rua da cidade é formada por trecheiros -- aquele que trafega por várias cidades e estradas

Julia Carvalho @carvalho8123 | @carvalho8123

Metade da população de rua de São José dos Campos é migrante. De acordo com dados do Ministério da Cidadania, das 569 pessoas abordadas nas ruas da cidade entre janeiro e maio de 2019, 284 são trecheiros --aquele que trafega por várias cidades.

A pesquisa aponta que a cidade possui 227 moradores fixos em situação de rua, o que representa 40% das abordagens feitas. Os outros 10% são referentes a 56 moradores que têm famílias, passam o dia como pedintes e, à noite, retornam para suas casas.

"A abordagem social envolve esses três tipos de atividades: moradores, pedintes e trecheiros, que têm um destino final, a caminho do seu destino. Com o aumento de equipes estamos fazendo uma abordagem 'pessoa a pessoa', chegando ao número real dos moradores", explicou o prefeito Felicio Ramuth (PSDB).

Ainda segundo a pesquisa, entre os anos de 2017 e 2018, a cidade teve um aumento de 12% na população de rua, passando de 824 para 914. A prefeitura criou 50 novas vagas em abrigos, totalizando 268 vagas para todo o tipo de público. Atualmente, apenas 60 vagas estão preenchidas.

"Mesmo com o frio eles não aceitam ir para os abrigos, temos vagas para todos que precisam. Lamentavelmente, mesmo com todo o nosso trabalho, ainda sobram vagas. A população doa muita comida e cobertores, o que nos conforta por um lado e desconforta por outro, porque eles acabam permanecendo nas ruas, e teriam todos esses recursos nos abrigos", informou o prefeito.

MIGRANTE.

Com alto número de migrantes nas ruas, a cidade oferece o Atendimento ao Migrante, onde é verificada a documentação e a cidade de origem de cada um, além do fornecimento do banho e da alimentação.

Em seguida, com os documentos em ordem, é comprada a passagem de ônibus para que possam voltar para as suas cidades de origem..