Brasil

Arrecadação federal sobe 24,5% no primeiro semestre e atinge R$ 882 bilhões

Agência O GloboPublicado em 21/07/2021 às 11:26Atualizado há 27/07/2021 às 01:13
[object Object]

Dinheiro (Divulgação)

Em 2021, o primeiro semestre foi marcado pelo desempenho robusto e a arrecadação federal registrou resultado positivo. De acordo com a Receita Federal, a arrecadação de impostos e contribuições federais nos primeiros seis meses do ano somou R$ 881,99 bilhões, um avanço de 24,49% em relação ao mesmo período ano anterior, já descontada a inflação. De acordo com o Fisco, é a maior arrecadação para o semestre na série histórica desde 2000.

Para o governo, o bom desempenho da arrecadação demonstra a recuperação da economia do Brasil no pós-pandemia e é isso que vai possibilitar parte da reforma tributária. A proposta de reformulação do Imposto de Renda, que prevê redução das alíquotas do tributo cobrado das empresas e ampliação da faixa de isenção das pessoas físicas, pode reduzir a arrecadação em até R$ 30 bilhões, mas seria compensada pelo bom desempenho que vem sendo registrado em 2021.

Só no mês de junho, o Fisco arrecadou R$ 137,16 bilhões, um aumento real de 46,77% na comparação com o mesmo mês de 2020, já descontada a inflação.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALE
Todos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Distribuído por:
Desenvolvido por: