'Negacionismo uma estratgia'

Disseminao de fake news no fenmeno espontneo, mas uma estratgia poltica para minar o debate baseado em fatos, declarou o cientista poltico Srgio Amadeu da Silveira

Xandu Alves @xandualves10 | @jornalovale

O cientista Social e Poltico Srgio Amadeu da Silveira, professor da UFABC (Universidade Federal do ABC) e consultor de Comunicao, alerta para o 'risco Bolsonaro': "Somos chacota mundial". Ele falou reportagem de OVALE sobre a desinformao e o negacionismo como estratgia poltica, que ganhou fora no pas com a chegada de Bolsonaro ao poder. Confira a entrevista:

O que a desinformao?

Existe h muito tempo e pode ocorrer por um engano, mas no insistiremos em uma estratgia de disseminar inverdades, notcias falsas e descontextualizadas. Na ltima greve dos caminhoneiros, algumas lideranas ligadas ao [presidente Jair] Bolsonaro recortaram um vdeo de um apresentador dizendo que a Justia acabava de retirar o Whatsapp do ar.

O vdeo era verdico, mas de trs anos antes. Colocado naquele momento no erro, estratgia.

Isso novo?

H foras polticas do final da primeira dcada do sculo 21 que usam na internet a estratgia de desinformar intencionalmente. Nos EUA, o maior exemplo Alex Jones, no site Info Wars. Cineasta da extrema direita e apoiador de Donald Trump, um dos artfices da 'direita alternativa americana'. Ele monta e dissemina esquetes como se fossem entrevistas verdadeiras. No Brasil, uma fora poltica se articulou para trazer essa estratgia. So chamados de gabinete do dio, neofacistas, populistas e milcias digitais.

Agem em rede?

Sim. No incio da pandemia, vrios mdicos testaram a cloroquina para salvar vidas. Em junho, j se sabia que alm de no ter efeito poderia agravar pacientes com problemas cardiovasculares. a que Bolsonaro faz da cloroquina um mote de luta poltica e de mobilizao. Vrios vdeos surgem com pessoas a defendendo. No d para saber se acreditam ou se disseminam mentiras.

O que muda?

Tenho divergncias com apoiadores de alguns polticos, mas nunca os enfrentei num debate com eles insistindo em desinformao. Eles erram e eu tambm.

O problema distorcer a realidade, insistir numa informao errada e transformar isso numa luta poltica.

Qual o risco?

O perigo ntido. Essa estratgia pode dar certo e suspender o nosso debate baseado em fatos. o que a extrema direita quer fazer. Trocar pela crena. Cada um tem a sua e devemos nos respeitar. Mas no se prova empiricamente que o seu Deus o verdadeiro ou que o meu . Aprendemos a separar Estado e educao da religio. J a cincia baseada no esprito autocrtico. Pode estar errada, ser melhorada e superada. A crtica bem vinda. O que se quer com a desinformao desestruturar um debate baseado em fatos e substituir pela crena. O risco descambar numa disputa de crenas que vai conduzir violncia. A extrema direita rompeu com a democracia e acha que vai ganhar na violncia.

Como isso prospera?

H grupos fundamentalistas religiosos que tm interesse. Outros so intencionalmente ligados destruio da democracia e outros com frustraes, limitaes e que se identificam com um discurso mais violento, que cultua a ignorncia. No Brasil, tem uma base que da ignorncia, da frustrao e que se mistura com o fundamentalismo religioso. Isso perigoso e se dissemina.

Bolsonaro mais perigoso ao Brasil do que o Trump foi para os EUA?

Concordo. Se o Exrcito americano falar que vai interferir em uma manifestao, o general vai ser preso e ter que se desculpar. O Trump no pode ameaar o povo. Aqui ameaam o STF. uma diferena brutal. Tivemos escravido, negros so mortos nas periferias e o racismo estrutural. Temos sociedade violenta que no teve uma libertao. H muito cinismo.

Qual o risco ao pas?

Podemos virar um pas completamente desrespeitado e sem fora econmica. Um pas primrio. O Brasil est virando um pas ruralista. Somos chacota mundial. uma pena. Temos que mudar isso logo, e comea agora nessas eleies.n

Assinar OVALE

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi to lido. So mais de 23 milhes de acessos por ms apenas nas plataformas digitais, alm da publicao de quatro edies impressas por dia. O importante que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem lder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crtico, plural, moderno e apartidrio. Informao com credibilidade, imprescindvel para a construo de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notcia a verdade. E ns assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalstica da regio.