Reforma administrativa, que muda regra de servidor, poderá reduzir cargos comissionados

Agência O Globo |

A proposta de reforma administrativa, que mexe com as regras de servidores públicos, poderá sofrer mudanças no Congresso. Entre elas a forma de seleção dos cargos comissionados e a redução dessas vagas. Em diversos países, esse ponto - que não foi contemplado no projeto encaminhado ao Legislativo - foi alterado.

Hoje,  há 12.563 postos de livre nomeação no Brasil, segundo dados da Frente Parlamentar Mista da reforma administrativa. Na França, por exemplo, são de 700 a 900 cargos. Em nações como o Chile, há até exame psicológico para estas vagas.

 

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 23 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.