Polícia identifica suspeito de atear fogo em morador de rua em SP

Agência Brasil | [email protected]

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo informou nesta terça-feira (7) que investiga um suspeito pela morte de um morador de rua de 39 anos, ocorrida na madrugada de domingo (5). A vítima sofreu queimaduras enquanto dormia na rua Celso de Azevedo Marques, na Mooca, zona leste da capital paulista.

“O caso é apurado por meio de inquérito policial instaurado pelo 18º DP, que realiza diligências para esclarecer os fatos. Imagens de câmeras de segurança são analisadas e um suspeito investigado”, informou a nota.

A vítima foi socorrida ainda com vida pelo Corpo de Bombeiros e levada ao Hospital do Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na segunda-feira (6).

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.