Nossa Região

Estado de São Paulo começa a vacinar membros das forças de segurança

Sob identificação de que o grupo tem elevada exposição ao coronavírus, governo estadual decidiu priorizar vacinação das forças de segurança pública e deve iniciar campanha na região já durante a próxima semana

Da redação@jornalovale
03/04/2021 às 02:00.
Atualizado em 24/07/2021 às 02:59
Vacina. Policiais integram grupo que será vacinado com prioridade (Divulgação/CPI-1)

Vacina. Policiais integram grupo que será vacinado com prioridade (Divulgação/CPI-1)

Em uma nova etapa da campanha de vacinação contra a Covid-19, as cidades da RMVale começam a vacinar, na próxima semana, os trabalhadores que atuam nas forças de segurança da região.

De acordo com o governo estadual, a categoria foi estabelecida como prioritária na imunização pela exposição que sofre nas ruas e que ainda teria sido intensificada desde o início da pandemia. Na semana seguinte, o novo grupo de profissionais contemplados pela campanha será o da educação.

Agora, a vacinação deve contemplar policiais civis, militares e técnicos-científicos, agentes penitenciários, bombeiros e guardas civis. A meta é vacinar todos que se encontram na ativa.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o número de pessoas vacinadas no estado durante essa etapa ultrapassa 110 mil. O quantitativo na região não foi informado, mas somente entre os policiais militares do CPI-1 (Comando de Policiamento do Interior - 1), o efetivo deve somar cerca de três mil agentes.

Em São José dos Campos, a prefeitura informou que a aplicação das doses ocorrerá no BPMI-1, que fica no Jardim Paulista. Os profissionais das forças de segurança devem realizar um cadastro prévio no site Vacina Já, do governo estadual, para a vacinação.

A SSP indicou que registros contabilizados até o dia 23 de março deste ano apontam que 79 policiais da ativa haviam morrido pela doença no estado de São Paulo -- 56% deles entre 46 e 55 anos. No Vale, somente na semana passada, o CPI-1 lamentou dois registros de policiais que foram vítimas do vírus na região..

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por