Com três casos confirmados, Vale ainda tem 231 suspeitos do coronavírus

Vale do Paraíba confirma primeiros casos positivos do novo coronavírus, pandemia que atinge todo o planeta. Em São José, são dois casos -- um deles ainda carecendo de contraprova. Taubaté também registrou a doença

Xandu Alves e Thaís [email protected] | @xandualves10

São José dos Campos e Taubaté confirmaram nesta quarta-feira (18) os primeiros casos positivos do novo coronavírus na região, que acumula outros 230 casos suspeitos.

O primeiro foi registrado pela Vigilância Epidemiológica de São José dos Campos, que ainda aguarda a contraprova de um segundo caso. Se confirmado, a região terá três casos confirmados da doença.

O paciente infectado em São José é um homem de 61 anos, cardiopata, que esteve na Inglaterra. Ele está internado no hospital Vivalle desde 14 de março.

Segundo o hospital, que é privado, o paciente esteve internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) e colocado em "precauções respiratórias".

"O paciente apresenta melhora clínica e está sendo transferido para um leito de suporte não intensivo", informou a instituição.

A prefeitura ainda aguarda a contraprova do exame positivo para coronavírus de uma mulher de 21 anos, que deve sair nos próximos dias. Ela foi atendida no Hospital São José, da rede privada.

Segundo a instituição, ela foi atendida em 12 de março com sintomas leves de gripe, não precisou ser internada e foi orientada a ficar em isolamento domiciliar.

Segundo o secretário de Saúde de São José, Danilo Stanzani, a paciente está bem de saúde e é monitorada. "A equipe já fez o levantamento das pessoas que tiveram contato com ela e foram todos colocados em isolamento".

Com mais 29 casos suspeitos e 15 descartados de coronavírus, São José decretou situação de emergência no município por 180 dias. O decreto foi publicado nesta quarta-feira (18) e passa a vigorar imediatamente.

TAUBATÉ.

O prefeito de Taubaté, Ortiz Junior (PSDB) gravou um vídeo na noite desta quarta para confirmar o primeiro caso positivo de coronavírus na cidade. "É um caso importado de uma pessoa que viajou à Espanha, e que reside no centro da cidade", contou.

Ele ainda pediu cautela. "Mais do que nunca temos que tomas as medidas preventivas, como reduzir a circulação de pessoas em 60%, fazer quarentena voluntária nas nossas casas e não ter contato com pessoas idosas. Não é motivo para pânico, mas para uma séria preocupação".

SUSPEITOS.

O Vale do Paraíba alcançou 231 casos suspeitos de coronavírus nesta quarta-feira (18), com 45 deles em Taubaté, que também decretou situação de emergência. O município ainda tem oito casos descartados. No total, a região tem 22 municípios que registraram ao menos um caso suspeito, o dobro do número de cidades na semana passada.

Guaratinguetá subiu de um para 21 casos suspeitos, seguido de Ubatuba (17), Pindamonhangaba (17) e Jacareí (15). As demais cidades são: Lorena (15), Ilhabela (15), Caraguatatuba (11), Caçapava (11), Campos do Jordão (11), São Sebastião (5), Cruzeiro (4), Tremembé (4), Lagoinha (2), Cunha (2), Aparecida (1), Cachoeira Paulista (1), Piquete (1), Silveiras (1), São Bento do Sapucaí (1) e Potim (1).

Assinar OVALE é

construir um Vale melhor


OVALE nunca foi tão lido. São mais de 7,5 milhões de acessos por mês apenas nas plataformas digitais, além da publicação de quatro edições impressas por dia. O importante é que tudo isso vem sempre com o DNA editorial de quem é líder em todas as plataformas, praticando um jornalismo profissional, independente, crítico, plural, moderno e apartidário. Informação com credibilidade, imprescindível para a construção de uma sociedade mais livre e mais justa, em um tempo em que a democracia é posta em risco por uma avalanche de fake news. Aqui a melhor notícia é a verdade. E nós assinamos embaixo. Assine OVALE e ajude-nos a ampliar ainda mais a melhor cobertura jornalística da região.