São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
+ Design
Março 29, 2019 - 22:50

'Cidades Mortas separa o Vale de Lobato', diz pesquisador


OBRA. Idealizador do Almanaque Urupês, de Taubaté, o produtor e editor Pedro Rubim é apaixonado, e profundo conhecedor, da obra de Monteiro Lobato. Segundo ele, 'Cidades Mortas' foi o livro que marcou a cisão do escritor taubateano com o Vale do Paraíba, especialmente com a elite de seu tempo. As tradicionais famílias não gostaram da descrição que Lobato fez da vida pacata do interior. "Esse livro redefiniu a presença e o futuro de Lobato no Vale. Havia um grupo pró-Lobato e outro contra. E teria sido o livro que estigmatizou a região. Há ruptura dele com o Vale que dura até hoje".

Para ele, há quem tenha "dificuldade de tratar a obra adulta de Lobato", que ele considera uma das "mais importantes na metade do século 20", colocando o escritor entre os maiores pensadores brasileiros. Neste ano, o centenário de 'Cidades Mortas' será um dos temas da Semana Monteiro Lobato, entre 16 e 21 de abril, no Taubaté Shopping..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

promessômetro