São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Fevereiro 21, 2018 - 02:10

Exército e polícia estão em alerta no Vale após intervenção no Rio

Agulhas Negras

Agulhas Negras. Exercício anual do Exército está em sua 22ª edição

Foto: /Claudio Vieira/ Arquivo OVALE

Região mais violenta de São Paulo e estratégica para o tráfico, RMVale é alvo de operações especiais das forças de segurança pública para combater a migração de criminosos do Rio de Janeiro depois da intervenção federal

Xandu [email protected]

A RMVale entrou em alerta após o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro, assinado pelo presidente Michel Temer (MDB) na última sexta-feira.

Região mais violenta do interior de São Paulo e estratégica para o tráfico de drogas e de armas, por estar entre as duas principais capitais do país, o Vale é alvo de operações especiais para combater a migração de criminosos do Rio de Janeiro.

As principais forças públicas de segurança, como as polícias Militar e Civil e a Rodoviária Federal, além das Forças Armadas, terão operações para coibir a possível entrada de criminosos na região.

Entre as ações, que começaram nesta segunda-feira, estão previstos bloqueios na divisa com o Rio de Janeiro, reforço no policiamento ostensivo no Litoral Norte e também fiscalização nas estradas.

EXÉRCITO.

Além disso, militares de unidades do Exército do Vale atuarão no Rio, como ocorreu em operações na favela da Rocinha e durante as Olimpíadas.

Procurado, o Comando Militar do Leste não informou a quantidade de soldados do Vale que irão para o Rio. Ao menos 13 viaturas, como caminhões e caminhonetes, deixaram a sede do 5º Batalhão de Infantaria Leve, em Lorena, em direção à capital fluminense.

OVALE apurou que o Cavex (Comando de Aviação do Exército), em Taubaté, está de prontidão para ser acionado. A unidade informou que, assim que a for acionada pelo Comando Militar do Leste, que comanda a operação no Rio de Janeiro, "será realizado um planejamento de emprego em conjunto".

OPERAÇÕES.

Na tarde desta segunda-feira, a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária Federal desencadearam a 'Operação Rochedo', em Ubatuba, para reforçar a segurança na divisa com o Rio, especialmente com a cidade fluminense de Paraty.

A proximidade com Angra dos Reis também preocupa as autoridades na região.

A cidade no litoral fluminense é palco de disputa de facções criminosas, que deixaram 11 mortes na primeira semana deste mês de fevereiro.

De acordo com o 20°BPM/I (Batalhão de Polícia Militar/Interior), responsável pelo policiamento no Litoral Norte, a medida quer conter "possíveis investidas de criminosos vindos dos morros cariocas". "Esta ação é realizada sazonalmente e a, partir de agora, de acordo com o Planejamento Estratégico Operacional da RMVale, será realizada com mais frequência", informou o CPI-1 (Comando de Policiamento do Interior)..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO