São José dos Campos
22º / 30º
Predomínio de sol pela manhã. À tarde chove com trovoada
Nossa Região
March 16, 2013 - 05:56

São José recebe símbolos da Jornada da Juventude

Campanha da Fraternidade. Foto: Marcelo Caltabiano

Campanha da Fraternidade. Foto: Marcelo Caltabiano

Diocese organiza programação especial para festejar evento católico; símbolos deixam Vale em abril

Paula Maria Prado
São José dos Campos

São José recebeu ontem os símbolos da JMJ (Jornada Mundial da Juventude). Entre os dias 15 a 23 de março, todas as regiões da diocese joseense receberão a cruz peregrina e o ícone de Nossa Senhora, presentes do papa João Paulo 2° aos jovens.
Previsto para chegar às 17h, a cruz só pôde ser recebida pelos fieis às 22h. Houve um atraso já que ambos símbolos estavam em Cachoeira do Itapemirim (ES), há cerca de 14h de São José.
Enquanto esperavam os símbolos, fieis participaram da programação, que começou às 17h na casa de retiros Betsaida, com orações. Às 19h30, foi feita uma caminhada até a catedral São Dimas, entre as ruas da Vila Betânia e do Jardim São Dimas, na zona central da cidade.
Às 20h30, dom Moacir Silva, bispo diocesano de São José dos Campos, presidiu uma missa na catedral.
“É a primeira vez que o Brasil está sediando a JMJ, então, essa é uma oportunidade única aos jovens de ver esse importante símbolo cristão”, afirmou o bispo.

Peregrinação. A romaria dos símbolos, é uma preparação para a jornada, que deve acontecer em julho, no Rio de Janeiro, já com a presença do papa Francisco 1°, eleito na última quarta-feira.
Hoje, ambos símbolos deixarão a cidade e seguirão para Santa Branca. A cruz e a imagem devem ainda passar por Jacareí, Monteiro Lobato, Paraibuna, Igaratá, Caraguatatuba, São Sebastião, Ubatuba, Taubaté, Caçapava, Lorena e Aparecida.
O símbolos deixam o Vale do Paraíba no dia 21 de abril.
“Um dos maiores desafios da igreja é trazer o jovem. No entanto, vemos que, aos poucos, estamos conseguindo”, afirmou Rinaldo Roberto de Rezende, pároco da catedral.
“A cruz e a imagem são objetos materiais que possui uma grande importância espiritual para todos nós”, afirmou Bruno Ribeiro, 24 anos, coordenador do grupo jovem Geração João Paulo 2°.

Evento. Amanhã, a diocese de São José preparou o “Bote Fé”. No dia, os símbolos sairão da igreja Matriz às 13h30 e seguem junto do público rumo ao parque da Cidade, onde haverá uma missa campal, às 15h, presidida também por dom Moacir. São esperadas mais de 10 mil pessoas.
 

PROGRAMAÇÃO

Santa Branca (16)
8h Chegada dos símbolos
11h30 - Oração de despedida

Jacareí (16)
12h45 - Chegada na paróquia Nossa Senhora de Guadalupe
13h - visita fechada ao presídio
19h - Santa Missa na Matriz
22h - procissão luminosa

São José (17)
13h - Bota Fé (concentração em frente a igreja Matriz)
13h30 - caminhada
15h - Santa Missa no parque da Cidade

Monteiro Lobato (17)

18h30 - chegada na paróquia Nossa Senhora do Bonsucesso

Paraibuna (18)
10h - chegada em frente à E.E. Prof. Cerqueira César
19h - santa missa na igreja Matriz Santo Antônio

São José (19)

8h30 - chegada dos símbolos

Igaratá (20)

10h - peregrinação e acolhida dos símbolos na Igreja Nossa Senhora do Patrocínio

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade