São José dos Campos
16º / 20º
Muitas nuvens com curtos períodos de sol
Nossa Região
March 27, 2012 - 03:01

Morte de médico deixa S. José de luto

Ortopedista Dr Carlos Alberto Cury

Morre aos 55 anos um dos mais conceituados especialistas em joelho do país

Xandu Alves
São José dos Campos

Morreu na manhã da última segunda-feira o médico cirurgião Carlos Alberto Cury Faustino, 55 anos, de São José, considerado um dos melhores especialistas em cirurgia de joelho no país.
Conhecido pelos amigos pelo apelido de ‘Badão’, Faustino era especialista em ortopedia e estava na Bahia, em um resort na Praia do Forte, para participar de um congresso médico.
De acordo com informações da SBCJ (Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho), organizadora do evento, o médico passou mal na manhã de ontem, em seu quarto, e morreu vítima de um infarto agudo e fulminante.
Delegado regional da SBCJ, Faustino era um dos fundadores do Hospital Orthoservice, na Vila Bethânia, região central de São José, e já havia operado com a equipe do médico ortopedista Joaquim Grava, de São Paulo, considerado um dos melhores do país.

Enterro. Segundo informações do Hospital Orthoservice, o corpo de Faustino chegou em São José dos Campos na manhã de ontem.
O velório foi realizado no cemitério e crematório Parque das Flores, no Jardim Morumbi, zona sul de São José. O enterro ocorreu às 17h, no mesmo local.
Faustino era viúvo e tinha dois filhos, de 24 e 21 anos.

Repercussão. A morte do ortopedista provocou reações emocionadas e amigos que conviveram com o médico em São José.
“Ele se tornou um dos maiores ortopedistas especialistas em joelho do país. Construiu uma rede de amigos e admiradores tanto dentro como fora de São José, devido a seu caráter e exemplo”, afirmou o prefeito Eduardo Cury (PSDB), primo do médico.
“É uma perda irreparável para a região. Todos estão muito tristes”, disse Sérgio Monteiro, presidente da Associação Esportiva São José, que decretou luto de três dias.

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade