Logo Jornal OVALE

Após 10 anos sem investimento, prefeitura prevê R$ 30 mi em obras de drenagem em Caraguá

Segundo a administração municipal, as intervenções devem minimizar problemas com alagamentos e enchentes nos períodos de chuva forte e maré alta

Da redaçã[email protected] | @jornalovale

Depois de 10 anos sem investimentos em drenagem, a cidade Caraguatatuba passar a receber obras em diferentes regiões. De acordo com a prefeitura, as intervenções devem durar cerca de 10 meses e R$ 30 milhões ao cofre público.

A administração informou que já iniciou operações de drenagem em canais de diversas regiões do município, com o objetivo de minimizar problemas com alagamentos e enchentes nos períodos de chuva forte e maré alta.

Obras

Na região Norte, estão em andamento as obras de execução de revestimento de canal de drenagem no bairro Massaguaçu. Na segunda fase, estão previstas ainda intervenções na região do Jetuba. O total de investimentos em todo o empreendimento gira em torno de R$ 2 milhões.

Na região Sul, foi iniciada no final do ano passado a obra com investimento de R$ 6 milhões nos bairros Perequê-Mirim, Travessão e Barranco Alto. Trata-se de um canal de drenagem no entroncamento do rio Perequê-Mirim que vai até o rio Juqueriquerê, no bairro Barranco Alto. No trecho, haverá mudança do leito do rio Perequê-Mirim e do córrego Felício. Ambas intervenções passaram por licenciamento ambiental e as obras duram cerca de 10 meses. A prefeitura informou que vai licitar outras intervenções no bairro Barranco Alto como 2ª fase da obra.

Na região Central, foi iniciada a drenagem e revitalização da avenida Brasília, no valor de R$ 10,2 milhões, trecho que compreende da Rodoviária até o rio da Paca. Serão beneficiados os bairros do Jardim Jaqueira, Tinga e Poiares. Entre as intervenções previstas no local estão o alargamento e aprofundamento do canal, a revitalização de calçadas, paisagismo, bocas de lobos em todas as esquinas e novas tubulações, além de nova iluminação e ciclovia. O trecho que receberá a obra chega a 2,5 quilômetros.

Ainda na Região Central, foi assinada a ordem de serviço das obras de drenagem nos bairros Pontal Santamarina e Golfinhos. O investimento chega a R$ 3 milhões com recursos do Fehidro (Fundo de Recursos Hídricos do Estado de São Paulo), ligado ao Governo do Estado. Serão executados nos bairros diques de contenção e canal extravasador das águas. O projeto para drenagem dos dois bairros foi apresentado e aprovado no Comitê de Bacias Hidrográficas do Litoral Norte no ano passado e recebeu aprovação do Fehidro.

Outras obras

Serão licitadas ainda este ano as obras de drenagem do Jetuba/Casa Branca para dar mais vazão às águas que escoam na Lagoa Azul e está em fase final de estudos o projeto de drenagem no Centro da cidade, que vai compreender os bairros que estão entre as Bacias dos Rios Guaxinduba e Santo Antônio, informou a prefeitura.

Com os projetos concluídos, a prefeitura informou que prevê superar os R$ 30 milhões de investimentos em 2019.