Logo Jornal OVALE

A Farra e o jornalismo

Série de reportagens sobre a farra das viagens oficiais é um exemplo de como o jornalismo independente não tem preço

Diariamente, leitores vão às bancas de jornais e adquirem os seus exemplares de OVALE e da Gazeta de Taubaté, levando para casa o melhor conteúdo jornalístico de toda a região. Para isso, desembolsam R$ 3,00 nos dias de semana e R$ 5,00 aos finais de semana. Os assinantes, que recebem o jornal no conforto de casa e ainda aproveitam as vantagens do cartão do Clube OVALE, podem pagar apenas R$ 1 durante o primeiro mês e ainda ter acesso ilimitado às plataformas digitais do veículo, que é líder absoluto de alcance e engajamento na região. Há ainda outras opções, como a assinatura digital, aproveitando o nosso novo site de OVALE e áreas exclusivas por R$ 19,90 mensais. Mas, afinal, qual é o preço do que é produzido pelo jornal?

Com marca de 40 milhões de leitores por ano, aproximadamente, OVALE transforma-se a cada dia mais em um jornal multiplataforma, multimídia, absolutamente conectado aos leitores (seja qual for o seu perfil), e fiel ao jornalismo crítico, isento, independente, preciso, plural e ético -- compromisso impresso, em letras garrafais, em seu DNA.

Mas qual é o preço de OVALE?

Aqui, não se debate o preço do papel e sim o papel do jornal. Um jornal que não se vende, não cede e não se curva, segue só a luz da verdade e do interesse público.

Em 2018, o jornal publicou uma série de reportagens batizada de 'Farra das Viagens', que, chegando a ir às esferas judiciais para a defesa do direito do contribuinte taubateano e da transparência no uso do dinheiro público, mostrou um esquema de superfaturamento de notas em viagens oficiais de vereadores do município.

Na edição de hoje, o editor-executivo Julio Codazzi, o autor das reportagens, assina uma matéria que mostra o reflexo das denúncias feitas pelo jornal: a Câmara vai economizar mais de R$ 1 milhão com o envio de 12 veículos e 13 motoristas para a prefeitura -- agora, oito carros vão servir os 16 parlamentares que usam viatura oficial; outros três não utilizam.

E a meta futura é ainda mais ousada: chegar a três motoristas.

O novo presidente do Legislativo, Boanerge dos Santos (PTB), que assumiu a direção neste ano, se pronunciou dizendo que o quadro que foi denunciado na 'Farra' era de imoralidade.

Qual é o valor de OVALE?

Em meio ao tsunami de boatos e fake news, o jornalismo de credibilidade e senso crítico é inegociável, sob risco da democracia. E isso, caro leitor, não tem preço..