São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Setembro 12, 2018 - 23:39

Vivendo há cinco anos no hospital, Yasmin sai para ver escola pela primeira vez

Yasmin

ALEGRIA. Yasmin foi recebida pelos seus colegas de classe na escola municipal na Vila Tatetuba, em São José.

Foto: /Claudio Vieira/PMSJC

Vítima de doença respiratória, Yasmin Vitória saiu do quarto de hospital em São José para ir pela primeira vez conhecer a sua escola

Thais [email protected]_thaisperez

Yasmin Vitória, de 5 anos, cresceu ao redor de enfermeiras, uma cama de hospital e um aparelho para respirar. Vítima de bronquiolite obliterante, apesar de ser dependente de um tubo para respirar -- que ela já sabe manipular sozinha -- certa vez chegou a correr pelos corredores do HM (Hospital Municipal) de São José dos Campos para tentar alcançar a mãe na recepção.

Ao ouvir das enfermeiras que não podia sair, Yasmin respondeu que sim: "pode". E assim o fez na manhã desta quarta-feira, ao deixar o hospital e visitar pela primeira vez a escola onde está matriculada.

Desde o início do ano, Yasmin tem tido aulas no hospital, uma vez por semana. A curiosidade da menina e vontade de aprender fez com que a equipe médica e de assistência social considerassem que Yasmin pudesse conhecer seus colegas da EMEI Ana Lucia de Castro Micheletto, na Vila Tatetuba, na região leste de São José.

Na escola, Yasmin brincou, almoçou e recebeu as boas vindas de seus novos amigos.

O translado entre o hospital e a escola foi realizado por ambulância e o passeio teve apoio de uma médica, uma fisioterapeuta e uma enfermeira. "Ela é muito comunicativa e não para quieta. Estou muito feliz e surpresa pela maneira que ela se adaptou com as outras crianças, o carinho das crianças com ela. É bom demais. Se faz ela feliz, me alegro também", disse a mãe.

Essa é a terceira vez que Yasmin sai do hospital em cinco anos. "Fomos duas vezes à casa de uma enfermeira que fica aqui perto", disse a mãe da menina, Diana Pereira. Segundo ela, Yasmin está muito ansiosa para poder sair do hospital e ir para a escola.

ESPERANÇA.

De acordo com a mãe, a menina ainda aguarda uma série de testes para avaliar seu estado de saúde. Os médicos então irão decidir se a menina pode ou não sair do hospital.

Diana foi uma das sorteadas no programa habitacional da Prefeitura de São José e aguarda a entrega das chaves da sua nova casa, no Residencial Limoeiro, na zona leste.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO