São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Julho 11, 2018 - 02:15

Celular é o principal alvo de roubos na região, aponta Estado

Alvo. Telefones celulares são o principal alvo dos bandidos em SP

Alvo. Telefones celulares são o principal alvo dos bandidos em SP

Foto: /Divulgação

Dos 3.591 roubos registrados na RMVale entre os meses de janeiro a maio deste ano, 2.617 ocorrências registraram o roubo de aparelhos celulares nos 39 municípios de toda região

Lucas [email protected]

Um raio-x feito pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo apontou que os telefones celulares são a principal causa dos roubos registrados em todo o Estado em 2018. Na RMVale - região mais violenta do Estado -, a situação não é diferente. Dos 3.591 roubos registrados de janeiro a maio deste ano, 2.617 envolviam os aparelhos celulares - número que representa 72,9% das ocorrências de roubos nas 39 cidades da região.

Os números do Vale são superiores aos do Estado que, nos cinco primeiros meses de 2018, registrou uma média de 65,2% das ocorrências de roubo envolvendo os telefones móveis.

Somente no mês de maio deste ano, 550 boletins de ocorrência que constavam roubo de celulares foram registrados nas delegacias da RMVale.

No ano passado, no mesmo período, a porcentagem de ocorrências envolvendo os 'smartphones' era de 73,6%, ou seja, dos 4.604 roubos registrados nos cinco primeiros meses de 2017, 3.389 envolviam celulares.

De janeiro a maio deste ano, a porcentagem só tem aumentado em todo o Estado de São Paulo. Em janeiro, 62,9% das ocorrências de roubos envolviam celulares.

Em fevereiro, o número cresceu 2,2% e passou para 65,1%. Já no mês de março, o número subiu para 65,5%, enquanto que, em abril, aumentou para 65,8%. Em maio, a porcentagem ficou em 66,7%.

COMPARAÇÃO.

Os dados do mês de maio, inclusive, são os maiores dos últimos oito meses.

Em cinco meses, as ocorrências envolvendo os smartphones cresceu 3,8%.

No comparativo entre os meses de maio deste ano e do ano passado, houve um aumento de 0,3%, quando as estatísticas de 2017 apontaram que 66,4% das ocorrências de roubos envolviam os telefones celulares das vítimas..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO