São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Maio 16, 2018 - 22:30

Aplicativos viram aposta de Felicio para agilizar saúde, esportes e serviços

São José na palma da mão

São José na palma da mão

Foto: Charles de Moura/ PMSJC

Tucano anunciou cinco novos apps na manhã de ontem no Paço Municipal; ferramentas são voltadas paras as áreas de saúde, esporte, serviços e segurança pública; até então, São José só tinha apps de mobilidade urbana

Lucas [email protected]

Com um mês de atraso, o prefeito de São José dos Campos, Felicio Ramuth (PSDB), que tem se caracterizado pelo uso das redes sociais durante a sua gestão, lançou nesta quarta-feira uma nova aposta tecnológica para tentar melhorar a qualidade de serviços públicos na saúde, esportes, segurança e serviços.

Em evento no Paço Municipal, Felicio anunciou cinco novos aplicativos que passam a integrar o programa 'São José na Palma da Mão': são o '156 SJC', 'Ação GCM', 'Acesso Já', 'São José Viva' e 'Saúde na Mão' (ver arte ao lado).

Os cinco apps chegam para compor o conjunto de ferramentas já existentes em São José. Até então, a prefeitura contava com os apps 'SJC - Zona Azul', 'Ônibus na Hora SJC', 'CNH Digital', 'SNE (Sistema de Notificação Eletrônica)' e o app do Detran.SP - todos voltados para a mobilidade urbana.

Os novos aplicativos são voltados para as áreas de saúde, esporte, serviços e segurança pública. O 'Ação GCM', porém, será usado pela Guarda Civil e depois será oferecido para a Polícia Militar.

TEST DRIVE.

OVALE testou os aplicativos e constatou que, além do app da GCM, todos os outros nove aplicativos foram encontrados nas buscas da Play Store, em telefones com o sistema Android. No App Store - plataforma oferecida para os telefones com sistema iOS -, um aplicativo não foi encontrado: o Acesso Já. Além disso, o 'SJC Estacionamento', nome dado pela prefeitura ao serviço de vagas, foi encontrado com o nome 'SJC Zona Azul'.

Apresentação das novas ferramentas ocorreu com pouco mais de um mês de atraso.

VERSÃO.

Vereador da oposição e ex-secretário de Transportes na gestão Carlinhos Almeida (PT), Wagner Baliero (PT) disse que o lançamento foi uma 'repaginada' de funções já existentes.

"A maioria dos aplicativos já existia, só foi trocada ou repaginada. Deram uma roupagem, fizeram um evento para uma coisa que a maioria já existia, com exceção desse da saúde", disse o oposicionista..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO