São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Brasil
Abril 10, 2018 - 23:07

Farc afirma que o acordo de paz dentro da Colômbia está em seu ponto mais crítico

Presidente Juan Manuel Santos, líder das Farc, Rodrigo Londoño

Acordo. Santos e Londoño

Foto: /Efraín Herrera/SIG


TENSÃO. O acordo de paz da Colômbia está em "seu ponto mais crítico", disse nesta terça-feira (10) Iván Márquez. o número 2 da antiga guerrilha das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia), que se transformou no partido político Força Alternativa Revolucionária do Comum, de mesma sigla. A crise se deve à detenção, com fins de extradição aos Estados Unidos, por tráfico de drogas, de Jesús Santrich, um dos líderes da organização.

"Com a captura de nosso camarada Jesús Santrich, o processo de paz se encontra em seu ponto mais crítico e ameaça ser um verdadeiro fracasso", afirmou Márquez em um comunicado lido em uma coletiva de imprensa na capital colombiana .

Santrich foi preso ontem em Bogotá pelo Ministério Público da Colômbia com base em uma circular vermelha da Interpol a pedido da Justiça dos Estados Unidos, que o acusa de continuar se dedicando ao narcotráfico, mesmo depois da assinatura do acordo de paz em 24 de novembro de 2016.

"A detenção de Santrich faz parte de um plano orquestrado pelo governo dos EUA com a ajuda do Ministério Público colombiano", acrescentou Márquez. O número 2 da antiga guerrilha disse que esse suposto plano "ameaça todo o ex-comando, com o propósito de decapitar a direção política do partido e sepultar os anseios de paz do povo colombiano"..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO