São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Brasil
Abril 10, 2018 - 23:07

Justiça nega a visita de governadores e senadores ao ex-presidente Lula

Nove governadores, acompanhados pela senadora Gleisi e pelo senador Requião, se reuniram com o superintendente da Polícia Federal do Paraná

Reunião. Nove governadores se reuniram na Polícia Federal

Foto: /Ricardo Stuckert


DE FORA. Nove governadores e três senadores foram na tarde desta terça-feira à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está preso desde sábado, para visitá-lo. Mas a entrada não foi autorizada pela 13ª Vara Federal de Curitiba.

Em seu despacho, a juíza federal substituta Carolina Moura Lebbos disse que "não há fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas próprio à carceragem da Polícia Federal. Desse modo, deverá ser observado o regramento geral. Portanto, incabível a visitação das pessoas indicadas na petição".

A juíza Carolina reafirmou o despacho de segunda-feira do juiz Sérgio Moro, que tratou das visitas ao ex-presidente. Moro escreveu que "além do recolhimento em Sala do Estado Maior, foi autorizado pelo juiz a disponibilização de um aparelho de televisão para o condenado. Nenhum outro privilégio foi concedido, inclusive sem privilégios quanto a visitações, aplicando-se o regime geral de visitas da carceragem da Polícia Federal, a fim de não inviabilizar o adequado funcionamento da repartição pública, também não se justificando novos privilégios em relação aos demais condenados".

"Infelizmente, não conseguimos, pois teve uma decisão judicial que contraria a lei", disse a presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann, que afirmou que foi deixada uma carta para a Lula. Governador do Maranhão e ex-juiz federal, Flávio Dino disse que "entre as regras da carceragem, todos sabemos que a lei tem primazia. E o artigo 41 da lei diz que o preso tem direito a visita do cônjuge, da companheira, de parentes e amigos"..

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO