São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Viver
Março 27, 2018 - 23:38

Concessionária mantém inscrições do concurso 'Possante Novo'

Carro Opala

Pimp my ride. Opala de Janilton Augusto, com a 'nossa' customização gráfica

Foto: /Foto; Divulgação/ Arte: Daniel Costa

Paula Maria [email protected]

Verdade seja dita: o "Véinho" de dona Araci Garcia, 67 anos, andava bem derrubado. O tempo havia deixado marcas físicas. Mas, pergunte se ela se importava! Que nada!

Era ele que estava ali quando a patroa precisava de algo. Levava-a de um lado para o outro, estava presente sempre que sua filha precisava de suporte e, enfim, era querido por toda família.

Era. Porque o "Véinho" se foi. No lugar... "Agora eu o chamo de meu 'Bebê'", brinca.

O companheiro de Dona Araci atende também pelo nome de Chevette. Aliás, ano 1977. Uma raridade que foi completamente restaurada em 2015 no primeiro concurso cultural "Possante Novo", realizado pela Veibrás, de São José.

"O comprei quando meu marido faleceu. Adoro dirigir. Vou a Taubaté, Tremembé, Aparecida... Ele é meu parceiro. Está sempre comigo", contou.

Além de dona Araci; Janilton Augusto, cujo xodó é um Opala modelo SS 1974, seu primeiro carro, adquirido em 2009; e "Seu" Zé da Caravan, dono de um carro 1978 cheio de histórias, também tiveram seus possantes restaurados e customizados nas últimas edições do concurso.

"Às vezes, as pessoas vão até uma concessionária só para comprar e vender carros, e queríamos mostrar que podemos oferecer um serviço de excelência em nossa oficina", afirmou Rafael Davoli, diretor geral do grupo Davoli, responsável pela concessionária Veibrás, que completa 60 anos de fundação.

"Também temos o objetivo de, com o projeto, resgatar a história que a região tem com a indústria automobilística. Muitas famílias vieram para cá graças à vinda de fábricas do setor. Então, criamos esse projeto, para premiar um morador que tenha uma história bacana com um carro antigo da marca Chevrolet com um restauro e uma customização", continuou o empresário.

ESCOLHA.

A quarta edição do concurso segue com as inscrições até sábado (31). Interessados devem preencher um formulário on-line, gravar um vídeo de até dois minutos contando a história de seu carro e porque ele merece ganhar. Após a primeira etapa, os veículos serão vistoriados e os jurados farão uma seleção para escolher os finalistas.

Entre os meses de maio e julho o resultado estará nas mãos do público que, por meio de votações on-line - no Facebook - e presenciais - nos shoppings CenterVale e Serramar, respectivamente, em São José e Caraguatatuba - escolherá o carro vencedor.

"Tem sido um barato. Vemos as pessoas participando, dando seus votos... As pessoas realmente curtem. Todo carro passa por uma vistoria prévia, porque como temos apenas quatro meses para restaurá-lo, ele precisa estar em condições razoáveis (não pode estar, por exemplo, sem motor) e a sua história e o que ele representa para a família são pontos fundamentais", disse Davoli.

BOM GOSTO.

A frente do projeto de restauro do carro está Fernando Baptista, o Batistinha, referência no mercado nacional e internacional de customização e restauração automotiva.

"No restauro resgatamos o carro exatamente como ele era, inclusive garimpamos peças originais... Já na customização, podemos criar, fazendo modificações no projeto original do veículo", explicou ele.

Mas é importante lembrar: tudo tem um limite! Quem não se lembra dos inacreditáveis carros do programa "Pimp my ride" (MTV) versus algumas das duvidosas customizações do início do quadro "Lata Velha", quadro do "Caldeirão do Hulk" (Globo)?

"Tem que entender quem é o dono do carro para então fazer o projeto. Fazer um automóvel que chame a atenção é fácil. Difícil é fazer um carro que não sai de moda, que daqui alguns anos você o veja e ele continua bonito e atual", cravou Batistinha, que tem facilidade em enxergar naquilo que todo o mundo vê um monte de lata, interessantes possibilidades de projetos.

"O que é defeito para alguns é qualidade para mim. Eu tenho verdadeiro prazer em restaurar. Gosto de desafio e depois de ver o rosto feliz do cliente", comentou.

A reforma do carro está prevista para durar de agosto a novembro, e o veículo vencedor será entregue ao seu dono em dezembro.

O regulamento pode ser visto no site: www.possantenovo.com.br. Até o momento, cerca de 80 pessoas já se inscreveram.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO