São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Janeiro 02, 2018 - 23:09

Prefeitura de Jacareí investiga R$ 5 milhões em dívida de ex-prefeito

HAMILTON

Tranquilo. Hamilton afirma que seguiu todos procedimentos legais

Foto: /Divulgação

Notas fiscais teriam sido emitidas sem os trâmites legais; Hamilton Mota (PT) nega irregularidades e estranha acusações

Hernane Lé[email protected]
JACAREÍ

O governo Izaias Santana abriu processo administrativo para investigar a origem de parte das dívidas deixadas pelo ex-prefeito Hamilton Mota (PT) na Prefeitura de Jacareí. Os encargos constam em notas fiscais, que somam cerca de R$ 5 milhões, emitidas por empresas contratadas pela administração para executar serviços ainda não identificados pela atual gestão.

Os documentos teriam sido lançados sem os trâmites normais da prefeitura, por isso, geraram desconfianças do prefeito. De acordo com Izaias, a quantia milionária faz parte de 'resíduos' da dívida deixada pelo governo petista e que ainda não foi liquidada devido ao processo administrativo, que corre sob sigilo.

"Despesa tem regras legais para ser liquidada. O fornecedor entrega nota, o gerente do contrato verifica a legalidade da nota, o setor responsável pelo serviço ou pela obra atesta a sua ocorrência para depois vir ao setor contábil. Essas notas, esses pedidos das empresas estavam diretos no setor contábil", explicou o prefeito.

As investigações para saber se os serviços foram executados e quando ocorreram não têm prazo para serem concluídas. Proprietários e representantes dessas empresas estão sendo ouvidos pela equipe da prefeitura. As principais secretarias envolvidas são Educação, Saúde e Infraestrutura.

OUTRO LADO

O ex-prefeito Hamilton afirmou as acusações são vagas e estranhou que elas tenham sido apontadas publicamente somente após um ano de gestão de Izaias.

"Estou e estarei sempre à disposição para esclarecer qualquer assunto, porque tenho toda a tranquilidade de que nada foi feito sem o processo devido. As notas são enviadas através da Gerência de Contratos à Contabilidade e a Contabilidade só processa para pagamento as notas atestadas", disse Hamilton..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO