São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Brasil
Janeiro 18, 2018 - 23:48

Casamento arranjado é atalho de ilegal para garantir visto nos EUA

casamento

FISCALIZAÇÃO. Rigidez na concessão de vistos no governo Trump se tornou empecilho para imigrantes nos EUA

Foto: Divulgação

Prática fraudulenta utilizada principalmente por imigrantes ilegais com o futuro ameaçado no país envolve acordos financeiros sigilosos de até R$ 30 mil; advogado diz que, se descoberto, envolvidos sofrem punição severa no país

Danilo [email protected]

A busca pela legalização por meio de casamento com cidadãos americanos vem crescendo a cada ano nos Estados Unidos-- na medida em que aumenta o rigor da lei de controle à imigração.

Popular nos EUA, a prática fraudulenta de casamentos arranjados é adotada por imigrantes que buscam sair da clandestinidade e ficou conhecida como o caminho mais viável para a legalização.

"Quase 90% dos imigrantes brasileiros legalizados que vivem aqui conseguiram o visto por meio de casamento falso", afirmou o pastor Wesley Porto, que dirige a ONG Centro de Assistência ao Imigrante Nova Esperança, em Orlando.

De maneira geral, após garantir a cidadania, a pessoa desfaz o casamento e tenta passar a cidadania para seu parceiro verdadeiro. De posse da residência permanente, a pessoa também pode passar a cidadania para os pais, caso eles residam com ela.

Embora o casamento seja ilegal para ambos os lados, o advogado especialista em imigração Edison Samways, alerta que a penalidade maior sempre vai para o imigrante. "Supostamente o americano pode ir para a cadeia ou pagar uma multa de US$ 150 mil. Mas é muito difícil de acontecer", comentou Samways". Envolvendo acordos financeiros sigilosos e com valores estimados entre US$ 25 mil e 30 mil, imigrantes usam o atalho para conseguir a permissão de trabalho e, futuramente, a cidadania americana, direitos adquiridos por terem sido casados com nativos.

Na maioria dos casos, o matrimônio dura em média quatro anos, tempo necessário para se obter a cidadania. Durante esse período as redes sociais são recheadas de fotos "felizes" do novo casal, uma estratégia usada como forma de comprovar que a união é real.

Imigrantes encontram dificuldades para aplicarem visto de estudante nos EUA

A velha tática de chegar ao país com visto de turista e antes do período de vencimento solicitar o visto de estudante ficou mais complicada, após Donald Trump assumir a presidência.

"Eu queria muito poder terminar meus estudos de inglês e fazer alguma especialização que tem muito valor no Brasil, mas infelizmente as novas exigências do governo tornaram a minha permanência mais difícil", comentou Luiza, que deixou o país em setembro de 2017 porque não conseguiu aprovar seu visto de estudante..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO