São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Economia
Novembro 02, 2017 - 00:52

A pé ou de bike, rotas religiosas do Vale são desbravadas por fiéis

Aparecida

CAMINHOS. Vale tem três rotas religiosas que atraem turistas de todo o Brasil

Foto: /Rogério Marques / OVALE

Turistas encontram três caminhos históricos que cortam a região, com trajetos a pé, de bicicleta e até trem; Rota Franciscana tem incríveis 818 km em cinco caminhos diferentes, e Rota da Luz leva até Aparecida

Redação
Aparecida

Que tal desbravar nosso estado em rotas de grande potencial turístico e natural?

O 'Caminha São Paulo', projeto criado pelo governo do Estado, lista quatro trajetos com caminhos históricos e religiosos, que nesta década foram estruturados para receber visitantes. A pé, de bicicleta e também por outros meios. Na lista, há três trajetos que passam pela RMVale: a Rota da Luz (leia mais na página ao lado), os Passos dos Jesuítas e a Rota Franciscana. Esta última tem incríveis 818 quilômetros divididos em cinco caminhos diferentes.

Todos pela região, a caminho de Guaratinguetá, terra de Frei Galvão. As rotas partem de São Francisco Xavier, em São José, de Bananal, de Lavrinhas e de São Luiz do Paraitinga até Guará, ponto de partida da última rota, que segue até à Estação da Luz em São Paulo.Por aqui, os trajetos são feitos a pé, de bicicleta ou, em determinado trecho, até de trem.

JESUÍTAS.

A rota pedestre 'Passos dos Jesuítas', também conhecida como 'Anchieta', propõe incríveis passeios por todo o litoral de São Paulo.

São 13 municípios em 370 quilômetros, que convida o participante a reproduzir a presença jesuíta no estado na metade do século XVI, especialmente do padre espanhol José de Anchieta, canonizado pelo papa Francisco em 2014.

Aqui, a rota passa pelas quatro cidades da Litoral Norte (Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba), além de outras cidades do litoral paulista: Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaem, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente.

BANDEIRANTES.

Outra opção de turismo para quem quer conhecer atrativos históricos e a arquitetônicos é a Rota Bandeirante, que fica bem perto do Vale do Paraíba, na região bragantina. São dois trajetos, compostos no total por 12 municípios, que visam resgatar as expedições de bandeirantes em busca de riquezas minerais nos séculos XVII e XVIII.

A primeira rota se inicia em Guarulhos, e o caminhante segue por Nazaré Paulista, Bom Jesus dos Perdões, Piracaia, Joanópolis e Vargem. A segunda inicia-se em Mairiporã, seguindo por Atibaia, Bragança Paulista, Pinhalzinho, Pedra Bela e finalizando também em Vargem.

Rota da Fé é opção mais segura para romeiros que vão rumo a Aparecida

dos caminhos já é conhecido do público da região, e muito utilizado: a Rota da Luz foi o trajeto criado para servir como alternativa com mais segurança aos romeiros que seguem até Aparecida pelas margens da rodovia Presidente Dutra.

São 201 quilômetros, começando por Mogi das Cruzes e passando por Guararema, Santa Branca, Paraibuna, Redenção da Serra, Taubaté, Pindamonhangaba e Roseira até chegar na Capital da Fé.

A rota conta com pontos de apoio aos participantes durante as nove cidades do caminho. No site oficial do projeto criado pelo Estado, o rotadaluzsp.com.br, é possível conhecer o trajeto e até fazer uma inscrição prévia, para, depois, receber um certificado de participação pela Rota da Luz.

Hoje em dia, com a tecnologia cada vez mais presente, foi criado também um aplicativo para celular, onde os romeiros podem registrar trechos da viagem e conferir detalhes, como locais a visitar e telefones úteis.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO