São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Setembro 11, 2017 - 23:04

Izaias apresenta proposta de reforma administrativa no IPMJ em Jacareí

Sessão de câmara em Jacareí

Mudanças. Câmara vai analisar projeto apresentado pelo prefeito

Foto: /Rogério Marques/OVALE

Projeto corta cargos e cria novas funções, como gerente de investimentos, responsável pelos investimentos do instituto

Hernane Lé[email protected]
Jacareí

O prefeito Izaias Santana (PSDB) protocolou na Câmara mais um projeto de reestruturação de secretarias e autarquias da administração pública. Dessa vez, os vereadores vão apreciar a proposta de mudança no IPMJ (Instituto de Previdência Municipal de Jacareí), onde com cortes e criação de novos cargos, o tucano prevê uma 'modesta' economia na folha salarial.

Izaias pretende extinguir três cargos na atual estrutura do IPMJ: consultor jurídico, consultor administrativo e assistente técnico. No projeto também consta a criação de três funções: gerente de investimentos e duas vagas para assessor da presidência. Com as mudanças, o instituto teria uma economia de R$ 6.763,15 por ano a partir de 2019.

A previsão é que a reestruturação entre na pauta da Câmara na sessão dessa quarta-feira (13). "Enfatizamos a criação do cargo de gerente de investimentos, para que fique responsável pelas aplicações financeiras realizadas pelo instituto, aprimorando as análises de risco, investimento e manutenção dos fundos", explicou por meio de nota a prefeitura.

Outras duas autarquias municipais também vão passar por mudanças. O Saae (Serviço Autônomo de Água e Esgoto) e a Fundação Pró-Lar também serão reestruturadas e os projetos, segundo o governo, já foram encaminhados ao Legislativo. Os parlamentares possuem ainda em suas mesas a proposta de uma nova estrutura na Secretaria de Saúde. "A reestruturação traz benefícios aos trabalhos, com otimização de setores, mais sinergia entre as pastas e eficiência administrativa", avalia o governo.

DÍVIDA

No final de agosto, a Câmara aprovou o parcelamento de débitos do município com o IPMJ. A dívida de R$ 3,79 milhões será quitada em 41 vezes, com pagamento programado até o final da atual gestão..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO