São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Agosto 04, 2017 - 22:46

Felicio levanta possibilidade de refazer o edital da Via Cambuí

João Rodolfo Castelli

Acesso. A avenida João Rodolfo Castelli é uma das alternativas para se chegar à região sudeste hoje

Foto: /Beto Freitas/PMSJC

Após TCE (Tribunal de Contas do Estado) suspender a concorrência, prefeito de São José sugere reabertura da licitação e não descarta melhorias no edital para as obras do eixo de ligação entre as zonas leste e sudeste

João Paulo Sardinha @jpsardinha
São José dos Campos

O prefeito de São José dos Campos, Felicio Ramuth (PSDB), já trabalha com a hipótese de refazer o edital de licitação da Via Cambuí. Na quinta-feira, o TCE (Tribunal de Contas do Estado) suspendeu a concorrência para a construção do eixo de ligação entre as regiões leste e sudeste da cidade.

As empresas interessadas em tocar a obra, de até R$ 144,714 milhões, apresentariam as propostas nesta sexta-feira, no Paço Municipal.

Se relançar o edital, o processo volta à estaca zero, com prazo de 45 dias até a apresentação dos lances das empresas. Por este cenário, a previsão de entregar a obra em maio de 2019 fica comprometida.

"As empresas questionam, nós vamos responder, mas provavelmente tem que ser feita uma nova reabertura. Os técnicos vão ver. O que vai levar, por conta da burocracia, mais 15, 20, 30 dias. E aí o edital passa a valer", afirmou Felicio à Logos FM.

"Se existir algum tipo de melhoria a ser feita [no edital], nós faremos. Não há problema nenhum nisso. Até porque a gente quer o maior número possível de empresas participando, para que o preço possa ser o menor possível", completou o prefeito.

As representações foram das empresas Jofege Pavimentação e Carioca Engenharia. Uma outra foi de pessoa física. A obra é financiada pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento).

Licitação já havia sofrido mudança do valor referencial no começo da semana

No início da semana, a prefeitura já havia modificado o edital da Via Cambuí. Na mudança, o orçamento ficou R$ 3,264 milhões mais caro que o previsto no lançamento da licitação. O valor referencial passou de R$ 141.450.025,07 para R$ 144.714.608,22. O processo inclui o prolongamento da rua Saigiro Nakamura.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO