São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Enem
Agosto 09, 2017 - 00:29

OVALE Enem - Fascículo 6


FASCÍCULO 6 – CIÊNCIAS DA NATUREZA E SUAS TECNOLOGIAS

Neste fascículo, daremos continui¬dade ao estudo referente à área de Ciências da Natureza e suas Tecno¬logias. As questões aqui apresenta¬das tratarão das competências 3 e 4, englobando as habilidades de 8 a 16. A competência 3 espera que o candi¬dato associe intervenções que resul¬tam em degradação ou conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a instrumentos ou ações científico-tecnológicos. Já a competência 4 tem por objetivo compreender interações entre or-ganismos e ambiente, em particular aquelas relacionadas à saúde hu¬mana, relacionando conhecimentos científicos, aspectos culturais e ca¬racterísticas individuais.

No próximo fascículo, traremos ques¬tões relativas à área de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

Bons estudos!

COMPETÊNCIA DE ÁREA 3: Associar intervenções que resultam em degradação ou conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a instrumentos ou ações científico-tecnológicos.

HABILIDADE 8: Identificar etapas em processos de obtenção, transformação, utilização ou reciclagem de recursos naturais, energéticos ou matérias-primas, considerando processos biológicos, químicos ou físicos neles envolvidos.

1. Em visita a uma usina sucroalco¬oleira, um grupo de alunos pôde ob¬servar a série de processos de bene¬ficiamento da cana-de-açúcar, entre os quais se destacam:

1. A cana chega cortada da lavoura por meio de caminhões e é despe¬jada em mesas alimentadoras que a conduzem para as moendas. Antes de ser esmagada para a retirada do caldo açucarado, toda a cana é trans¬portada por esteiras e passada por um eletroímã para a retirada de ma¬teriais metálicos.

2. Após esmagar a cana, o bagaço segue para as caldeiras, que geram vapor e energia para toda a usina.

3. O caldo primário, resultante do esmagamento, é passado por filtros e sofre tratamento para transformar-se em açúcar refinado e etanol.

Com base nos destaques da observa¬ção dos alunos, quais operações físi¬cas de separação de materiais foram realizadas nas etapas de beneficia¬mento da cana-de-açúcar?

a) Separação mecânica, extração e decantação.

b) Separação magnética, combustão e filtração.

c) Separação magnética, extração e filtração.

d) Imantação, combustão e peneira¬ção.

e) Imantação, destilação e filtração.

2. Há milhares de anos, o homem faz uso da biotecnologia para a produção de alimentos como pães, cervejas e vinhos. Na fabricação de pães, por exemplo, são usados fungos unice¬lulares, chamados de leveduras, que são comercializados como fermento biológico. Eles são usados para pro¬mover o crescimento da massa, dei-xando-a leve e macia.

O crescimento da massa do pão pelo processo citado é resultante da

a) liberação de gás carbônico.

b) formação de ácido lático.

c) formação de água.

d) produção de ATP.

e) liberação de calor.

---

COMPETÊNCIA 3

HABILIDADE 9: Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos ou do fluxo de energia para a vida, ou da ação de agentes ou fenômenos que podem causar alterações nesses processos.

3. Reconhecendo a importância da atmosfera para o equilíbrio térmico da Terra, é possível prever que a mo¬dificação em sua composição pode acarretar um desequilíbrio na manu¬tenção da vida. Realizar amplos reflo¬restamentos no planeta é uma forma de reduzir o efeito estufa e conter o aquecimento global.

Esse procedimento baseia-se na hi¬pótese de que o aumento de áreas de florestas promove

a) absorção de CFC, gás responsável pela destruição da camada de ozônio.

b) aumento do gás carbônico no solo, diminuindo a emissão de gás metano para a atmosfera, causando resfria¬mento da superfície terrestre.

c) maior disponibilidade de combus¬tíveis fósseis, diminuindo o fenômeno da inversão térmica.

d) redução da radiação ultravioleta causada pela liberação de gás oxigê¬nio, resultante do processo fotossinté¬tico dos vegetais.

e) retenção do carbono pelas árvo¬res, com diminuição do gás carbônico atmosférico, o qual acentua o efeito estufa.

---

COMPETÊNCIA 3

HABILIDADE 10: Analisar perturbações ambientais, identificando fontes, transporte e(ou) destino dos poluentes ou prevendo efeitos em sistemas naturais, produtivos ou sociais.

4.

O novo Código Florestal pode agravar a depredação dos mangue¬zais, ecossistemas que se esten¬dem por dezesseis estados e são a base da biodiversidade no litoral

Os manguezais têm importância crucial para a manutenção da vida na costa brasileira. O Brasil abriga a terceira maior área de manguezais do planeta, mas estima-se que um quarto da região de mangue original já tenha sido destruído, em parte para a instalação de salinas e de fazendas marinhas para a criação de cama¬rões. Se o novo Código Florestal for aprovado com o texto que já passou pelo Senado, a situação dos mangue¬zais poderá se deteriorar ainda mais. Pelo código atual, os mangues são áreas de preservação ambiental, ou seja, não podem ser ocupados nem desmatados. O texto do novo códi¬go prevê o uso de 10% a 35% dos manguezais – dependendo do esta¬do – justamente para a instalação de salinas e para a criação de camarões.

Relativo ao ecossistema manguezal, é correto afirmar que o(a)

a) mangue é hábitat de desova e de criação de várias formas de vida ma¬rinha, o que favorece a produção de proteínas para o consumo humano.

b) erradicação dos mangues não in¬fluencia na produção pesqueira, de¬vido à extensão do mar, que abriga notável diversidade de formas de vida.

c) espécie-símbolo dos manguezais depende apenas da maré alta para se reproduzir.

d) destruição dos manguezais não re¬duzirá a fauna e flora desse bioma, e sim, apenas, sua espécie-símbolo.

e) flora dos manguezais revela gran¬de variedade de angiospermas e de aves migratórias.

---

COMPETÊNCIA 3

HABILIDADE 11: Reconhecer benefícios, limitações e aspectos éticos da biotecnologia, considerando estruturas e processos biológicos envolvidos em produtos biotecnológicos.

5. A terapia gênica, uma promessa da biotecnologia moderna, consiste na cura de defeitos genéticos pela introdução de genes normais em cé¬lulas de indivíduos doentes. Algumas metodologias em estudo utilizam retrovírus modificado como veícu¬lo de introdução do gene desejado. Por exemplo, na talassemia, doença caracterizada pela produção de he¬moglobina anormal devido a uma de¬leção no gene que codifica a cadeia da globina, poderia ser usado um retrovírus modificado, contendo a in-formação para a síntese da globina. Nesse caso, deveriam ser realizadas três etapas:

1ª: coletar células da medula óssea do paciente;

2ª: colocar as células coletadas em contato com o retrovírus modificado, para que elas sejam infectadas;

3ª: reintroduzir as células infectadas no paciente.

A seguir, estão esquematizadas cinco diferentes partículas virais, represen¬tadas pelos esquemas I, II, III, IV e V.

Macaque in the trees
OVALE enem
– X representa o trecho de ácido nucleico viral, que codifica as prote¬ínas necessárias para a formação de novas partículas virais no interior da célula hospedeira.

– Y representa o trecho de ácido nucleico introduzido, que contém a informação para a síntese da cadeia da globina.

– indica que a partícula viral con¬tém as enzimas transcriptase reversa e integrase (insere o material gené¬tico de origem viral no genoma da célula). Qual dos retrovírus modificados, apre¬sentados nos esquemas acima, seria o mais indicado para ser usado nesse tratamento?

a) I

b) II

c) III

d) IV

e) V

6.

Biofábricas a pleno vapor no país

Na ficção, os lançadores de teia do Homem-Aranha são um prodígio da ciência. Na vida real, porém, ainda buscamos uma forma de produzir “teias” sintéticas, resistentes e flexí¬veis, a custo razoável. Um grupo de pesquisadores brasileiros pode ter obtido resultados importantes nesse campo. A partir do DNA de aracníde¬os brasileiros, eles produziram biopo¬límeros que poderão ser aplicados a produtos tecnológicos no futuro.

Os pesquisadores analisaram o ge¬noma de cinco aranhas brasileiras para identificar os genes expressos nas glândulas responsáveis pela produção e pelas características da teia. Bactérias Escherichia coli foram geneticamente modificadas para re¬ceber as sequências selecionadas e passaram a atuar como biofábricas capazes de sintetizar os polímeros desejados.

Disponível em: http://tinyurl.com/omvdao5.

A técnica citada no texto refere-se à

a) eletroforese em gel.

b) transgenia.

c) biopirataria.

d) clonagem.

e) terapia gênica.

---

COMPETÊNCIA 3

HABILIDADE 12: Avaliar impactos em ambientes naturais decorrentes de atividades sociais ou econômicas, considerando interesses contraditórios.

7. Uma grande cidade, desejando obter uma forma de energia renová¬vel, realizou um estudo sobre o seu potencial energético e os impactos ambientais desses projetos em sua região. Nessa cidade, há diversas quedas-d’água, chove bastante e ocorrem rajadas de vento fortes e inconstantes. Além disso, ela não é costeira. Sabendo que essa grande cidade tem recursos financeiros para a construção de qualquer um dos pro¬jetos abaixo, qual a melhor fonte para essa cidade?

a) Nuclear

b) Eólica

c) Maremotriz

d) Hidrelétrica

e) Solar

---

COMPETÊNCIA DE ÁREA 4: Compreender interações entre organismos e ambiente, em particular aquelas relacionadas à saúde humana, relacionando conhecimentos científicos, aspectos culturais e características individuais.

HABILIDADE 13: Reconhecer mecanismos de transmissão da vida, prevendo ou explicando a manifestação de características dos seres vivos.

8. Heredogramas podem ser usados em genética médica para calcular o risco da ocorrência de doenças here¬ditárias em determinada família.

Macaque in the trees
OVALE enem

Os indivíduos marcados em azul são afetados por uma determinada condi¬ção. A mulher representada por III-1 no heredograma está noiva e tem

a) 1/2 de probabilidade de ser porta¬dora do gene da doença.

b) 2/3 de probabilidade de ser porta¬dora do gene da doença.

c) 1/4 de probabilidade de ser porta¬dora do gene da doença.

d) 1/3 de probabilidade de ser porta¬dora do gene da doença.

e) 3/4 de probabilidade de ser porta¬dora do gene da doença.

---

COMPETÊNCIA 4

HABILIDADE 14: Identificar padrões em fenômenos e processos vitais dos organismos, como manutenção do equilíbrio interno, defesa, relações com o ambiente, sexualidade, entre outros.

9.

Vacina contra esquistossomose

A candidata a uma vacina que po¬derá proteger os seres humanos da esquistossomose passou na fase inicial dos testes clínicos. Totalmente desenvolvida no Brasil, ela tem como alvo o verme Schistosoma mansoni, que provoca a doença. A esquistos¬somose atinge cerca de 7 milhões de brasileiros e 200 milhões de pessoas no mundo, principalmente na África. Outros 800 milhões estão expostos ao risco de contrair a enfermidade no planeta.

A vacina foi desenvolvida na Funda¬ção Oswaldo Cruz (Fiocruz) do Rio de Janeiro, sob a coordenação da médi¬ca e pesquisadora Miriam Tendler, que esteve à frente dos estudos por 30 anos. O imunizante usa um antí¬geno para neutralizar o ataque do pa¬rasita no corpo humano. O antígeno é uma proteína chamada de Sm14 e foi escolhido em 2014 pela Organiza¬ção Mundial da Saúde (OMS) como um dos projetos prioritários no mundo para doenças que atingem as popula¬ções mais carentes.

Disponível em: http://revistapesquisa.fapesp.br.

Com base no que foi abordado, para que o indivíduo possa ser imunizado com a vacina contra o Schistosoma mansoni, torna-se necessária a ino¬culação

a) dos antígenos Sm14 para que sejam reconhecidos pelo corpo e in¬duzam a produção de anticorpos es¬pecíficos.

b) dos vírus ou das bactérias vivas para provocar a doença de forma branda. Dessa maneira, o corpo, imunizado, produzirá anticorpos es¬pecíficos.

c) de um medicamento eficaz no combate à doença já instalada, pro¬duzindo no corpo uma reação para a fabricação de anticorpos específicos e resistentes.

d) do soro obtido através do sangue de animais, como os cavalos, criados em laboratório, onde recebem grande quantidade de antígenos.

e) do plasma, retirado de pessoas que já tiveram a doença, para que o corpo produza antígenos e anticorpos específicos.

----------

Macaque in the trees
OVALE Enem

Macaque in the trees
OVALE Enem

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO