São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Esporte
Maio 11, 2017 - 18:26

Diretor do Taubaté Vôlei cogita parceria com o Palmeiras

Na final. Jogadores do Taubaté festejam vitória contra o Sesi

Na final. Taubaté festeja a vaga

Foto: /Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Redação
Taubaté

Vice-campeão da Superliga Nacional no último domingo e atual tricampeão paulista, o Vôlei Taubaté já cogita fazer uma parceria com o Palmeiras, em moldes semelhantes com o que foi feito com o São Paulo há dois anos.

Naquela oportunidade, porém, desentendimentos entre as duas diretorias fez a parceria se romper ainda no meio da temporada, logo após o título paulista. Agora, o Alviazul revelou que estuda a possibilidade de vestir verde a partir da próxima temporada. 

"Seria muito legal [conversar com uma equipe como o Palmeiras]. Inclusive, Taubaté é um reduto palmeirense. Seria muito interessante para Taubaté ter uma parceria com o Palmeiras. Essa possibilidade já foi pensada, isso está sendo encaminhado ai para que a gente entre em contato e façamos uma reunião", disse o supervisor do Funvic Taubaté, Ricardo Navajas, em entrevista ao site do Guia Taubaté nesta quinta-feira, destacando inclusive que o prefeito, Ortiz Junior (PSDB), grande apoiador do projeto, é palmeirense declarado.

O que ajudou a motivar o dirigente foi o fato de o Corinthians estar planejando uma equipe de vôlei para a próxima temporada, que seria comandada pelo líbero Serginho, ex-Sesi e da Seleção Brasileira.  "Todos nós, caso isso aconteça, vamos virar palmeirenses, não tenha dúvida. Nós somos profissionais do esporte", afirmou o dirigente, que já projeta uma rivalidade com o Corinthians, que também está montando um time de vôlei.

REFORÇADO. Na terça-feira, o Taubaté anunciou o técnico argentino Daniel Castellani, novo comandante da equipe da região para a temporada 2017/2018. Além disso, confirmou cinco reforços: ponta sérvio Marko Ivovic, o líbero da Seleção Brasileira Thales Hoss, o central Sebastian Solé, o central Rafael Martins e o levantador Paulo Renan. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO